Últimas notícias:

Loading...

Homem sofre AVC após estalar o pescoço e romper artéria

De acordo com os médicos, o problema poderia ser fatal

Por: Redação
josh harder com a mulher
Crédito: Arquivo pessoalLesão é rara e gravíssima

Um movimento simples de estalar o pescoço teve uma consequência séria para o norte-americano Josh Hader, de 28 anos. Ele teve um AVC por conta do rompimento de uma artéria vertebral que se liga ao cérebro. Quase que imediatamente depois do estalo, o lado esquerdo do corpo dele ficou dormente.

O americano contou ao jornal The Washington Post que tentou se levantar e pegar um saco de gelo no congelador e percebeu que não conseguia andar em linha reta.

No hospital, os médicos descobriram que, na verdade, Hader teve sorte. “Ele poderia ter formado mais coágulo naquele rompimento e sofrer de um derrame fatal”, disse Vance McCollom, médico do Mercy Hospital.

Josh Harder no hospital com um tampão no olho
Crédito: Arquivo pessoalHader ficou com a vista embaçada nos primeiros dias

Com ajuda de fisioterapia, Hader conseguiu voltar a andar em algumas semanas. Apesar de não ter sofrido nenhuma perda cognitiva ou de fala, ele ainda tem problemas de equilíbrio,  dificuldades em controlar o braço esquerdo e falta de sensibilidade no outro braço e em uma das pernas.

I just wanted to give a more “formal” update. I'm still in the icu but I'm recovering. It ended up being a torn artery…

Posted by Josh Hader on Saturday, March 16, 2019

Esse tipo de lesão é raro, mas gravíssimo e pode acontecer com a manipulação quiroprática da coluna vertebral. Em 2016, a modelo Katie May, de 34 anos, morreu de derrame após romper uma artéria em uma sessão de quiropraxia.

Recentemente, um caso parecido aconteceu com uma jovem no Reino Unido, mas em vez de AVC, ela sofreu um infarto logo após estalar o pescoço. Leia mais na matéria abaixo:

Compartilhe: