Lente de contato colorida deixa menina sem enxergar por 4 dias

Acessório usado em uma festa de Halloween causou um processo infeccioso no olho da garota

Por: Redação | Comunicar erro
menina com o olho vermelho
Crédito: reprodução/FacebookCom dor, menina foi parar no hospital

A canadense Julie Turcotte, mãe de uma garota de 11 anos, faz um alerta aos pais sobre o perigo do uso de lente de contato colorida. A filha dela, Emilie  Turcotte, ficou 4 dias sem enxergar depois de usar  o acessório para uma festa de Halloween.

Nas redes sociais, a mulher contou que, no dia seguinte à festa, a menina acordou gritando de dor, sentindo os olhos como se estivessem queimando.

Julie levou a filha ao hospital, onde os médicos descobriram que as lentes agiram como ventosas, puxando células de suas córneas.

menina com óculos de sol
Crédito: reprodução/FacebookVisão de Emillie voltou gradualmente

Emilie também foi diagnosticada com celulite periorbitária, um processo infeccioso que ocorre quando a bactéria entra no olho e ataca o tecido mole. A infecção se espalhou o que a deixou temporariamente sem enxergar.

De acordo com a mãe, os médicos não sabiam se a menina voltaria a enxergar ou não. Depois de 4 dias, a visão de Emilie foi voltando gradualmente.

Ela também precisou usar óculos escuros por um mês para que suas córneas danificadas pudessem se recuperar.

Risco do uso de lentes estéticas

As lentes de contato são consideradas um corpo estranho dentro do olho e, quando utilizadas da maneira incorreta, podem causar danos à visão e até cegar. Em abril deste ano, a Anvisa chegou a proibir a venda de lentes de contato coloridas, comercializadas pela Nipon Cosplay  em todo o território nacional.

O produto era vendido de forma irregular, sem cadastro e registro da Anvisa.

É importante dizer que todas as lentes devem ser feitas especialmente adaptadas à forma do olho do paciente. Como o olhos mudam de tamanho e curvatura, somente o oftalmologista é capaz de determinar o tamanho e tipo de lente ideal para o usuário.

Compartilhe:

1 / 8
1
04:46
Os perigos do movimento antivacina
O político italiano e ativista antivacina, Massimiliano Fedriga, foi internado para se tratar de uma catapora. Seria engraçado, senão fosse …
2
03:08
Será que você tem sinestesia?
Ouvir um som e sentir um gosto na boca; ver o número 8 como roxo. Nada disso é loucura: tratam-se …
3
02:23
Banho do Bebê – Sikana
Esse vídeo integra o capítulo “Higiene do Bebê” e contou com o apoio técnico de profissionais de saúde da Perinatal, …
4
02:13
Os benefícios da camisinha feminina
Muitos talvez não saibam, mas a camisinha feminina conta com uma série de benefícios. Além de prevenir a gravidez, protege …
5
05:54
Maternidade e sexo – Ana Paula Xongani
A criadora de conteúdos e empresária Ana Paula Xongani contou o que mudou na sua vida sexual após a maternidade.
6
04:55
Prazer das minas – Thaís Mayume Higa
A escritora e editora Thaís Mayume Higa conversou com a gente sobre os tabus envolvendo a sexualidade das minas.
7
07:03
Saúde LGBT – Thaís Machado e Iran Giusti
Conversamos com a médica da família e comunidade, Thaís Machado, e o fundador da Casa 1, Iran Giusti, para falar …
8
04:27
Sexo 60+ – Rita Cadillac
Conversamos com a Rita Cadillac para abordar o sexo após 60 anos de idade.