5 fatos que você precisa saber sobre a meningite meningocócica

Por: Redação | Comunicar erro

A meningite é uma inflamação das meninges, membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal. Existem muitos fatores que causam essa doença. A meningite meningocócica, quando a bactéria é a origem da inflamação, é a mais grave delas.

Crédito: Getty Images/iStockphotoMeningite é uma inflamação das membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal

A Catraca Livre e o site Minha Vida apresentam 5 fatos que você precisa saber sobre a meningite meningocócica. Ela pode causar sérios danos e é mortal em 50% dos casos não tratados.

Apesar das meningites mais importantes do ponto de vista da saúde pública serem provocadas por bactérias e vírus, há também outros agentes causadores, como fungos, protozoário e helmintos. As virais, por sua vez, são tão importantes quanto as bacterianas, pois ambas têm potencial de produzir surtos.

A Doença Meningocócica Invasiva (DMI) é causada pela bactéria Neisseria meningitidis, que possui 13 sorogrupos diferentes.6 Porém, os sorogrupos A,B,C,W e Y são os causadores mais frequentes da doença meningocócica.

1 – A doença meningocócica se propaga facilmente

A meningite meningocócica  pode ser transmitida pelo beijo

A bactéria pode ser transmitida por meio da saliva, espirros, tosse, beijo ou até mesmo dividir o copo com alguém. Crianças menores de um ano possuem maior risco de contrair a doença, e adolescentes são a fonte mais provável da transmissão da bactéria na comunidade.

A bactéria que causa a meningite meningocócica, chamada meningococo, está presente na garganta de 10% da população, normalmente sem manifestar nenhum sintoma. Por razões ainda desconhecidas, o meningococo, às vezes, pode vencer as defesas do organismo, entrar na circulação e atingir o cérebro.

2 – Meningites bacterianas causadas por meningococos podem ser fatais

3 – A meningite meningocócica é uma doença prevenível

4 – Bebês menores de um ano são mais susceptíveis à doença meningocócica

5 – A doença meningocócica pode causar sequelas

Para conhecer os detalhes, clique aqui.

  • Leia também: 

Compartilhe:

Tags: #doenca
1 / 8
1
02:18
Conheça o programa “É Melhor Prevenir”
Conheça a série  “Melhor Prevenir” da Catraca Livre para melhorar a qualidade de vida. Os videos ensinam a identificar sinais de …
2
02:37
Os principais sinais da depressão
Dr. Jair de Jesus Mari, professor titular de psiquiatria da USP, ensina sobre os principais sinais da depressão. Esse vídeo faz …
3
03:28
A receita do prazer sexual na gravidez
Claudio Basbaum, ginecologista e obstetra da maternidade São Luiz,  compartilha a receita do prazer sexual na gravidez.
4
05:29
Como o estresse interfere na saúde do bebê
Claudio Basbaum, obstetra na Maternidade de São Luiz, é conhecido como o médico que implantou no Brasil o parto humanizado. Esse …
5
04:59
Como o sono ruim dificulta a perda de peso
Professor associado da Faculdade de Medicina da USP e cirurgião especializado em aparelho digestivo, Raul Cutait mostra nesse vídeo a …
6
01:52
Terapia da natureza: mais saúde para o corpo e para a mente
Já pensou em ir ao médico e ele lhe receitar levar o cachorro para passear, plantar flores, procurar conchas na …
7
03:37
Saiba como ter uma boa alimentação na gravidez
Claudio Basbaum, obstetra na Maternidade de São Luiz, fala sobre a melhor alimentação durante a gravidez. Este vídeo faz parte da …
8
06:38
Sinais que revelam que uma criança está com câncer
Antônio Sérgio Petrilli, professor titular de Pediatria na Unifesp, mostra os principais sinais de que uma criança está com câncer. Petrilli …