CORONAVÍRUS
Tudo o que você precisa saberÚltimas notícias e tudo que você precisa saber

Pílula anticoncepcional masculina passa em primeiro teste nos EUA

Cientistas acreditam que em até 10 anos ela estará disponível no mercado

Por: Redação

Um teste realizado com 40 homens nos Estados Unidos demonstrou que estamos próximos de uma pílula anticoncepcional masculina. De acordo com cientistas, o medicamento oral experimental chamado 11-beta-MNTDC pareceu ser seguro e tolerável, com base nos resultados de um ensaio clínico apresentados na conferência anual da Sociedade de Endocrinologia em Nova Orleans.

A pílula, feita para ser tomada uma vez ao dia, contém testosterona modificada que combina as ações de um hormônio masculino, o androgênio, e a progesterona. O objetivo é impedir a produção de espermatozoides.

“Nossos resultados sugerem que esta pílula, que combina duas atividades hormonais em uma, diminuirá a produção de esperma enquanto preserva a libido “, explicou a bióloga de reprodução masculina Christina Wang, do Instituto de Pesquisa Biomédica de Los Angeles.

Crédito: Istock/juststockCiência avança na criação da pílula anticoncepcional masculina

O anúncio foi feito em no encontro anual da “Endocrine 2019”, uma importante conferência médica, realizada em Nova Orleans, nos EUA.

No ensaio clínico, Wang e sua equipe recrutaram 40 homens saudáveis. Durante 28 dias, 30 destes participantes tomaram uma dose diária baixa ou mais alta da droga, enquanto os outros 10 homens tomaram placebo.

Os participantes que tomavam 11-beta-MNTDC não demonstraram eventos adversos sérios ou preocupações clínicas significativas, mas mostraram níveis significativamente reduzidos de dois hormônios chamados LH e FSH que são necessários para a produção de espermatozoides.

De acordo com os pesquisadores, uma minoria dos homens relatou fadiga, dores de cabeça e acne durante o experimento. Em termos de efeitos sexuais, cinco deles disseram sentir leves mudanças na libido e dois experimentaram disfunção erétil leve. No entanto, para uma droga baseada em hormônios, que tende a inevitavelmente levar algum nível de efeitos colaterais, os pesquisadores caracterizam esses efeitos como leves.

Apesar dos resultados positivos, os pesquisadores dizem que levará algum tempo até que uma droga como o 11-beta-MNTDC esteja disponível para compra. Os pesquisadores estão atualmente planejando ensaios de acompanhamento para o 11-beta-MNTDC e um produto químico funcionalmente similar chamado undecanoato de dimetrolrolona (DMAU).

Compartilhe:

Tags:#saúde
1
Atividades divertidas para entreter as crianças durante a pandemia de coronavírus
O isolamento social imposto pelo do novo coronavírus é um desafio para nós e para as crianças também. Com as …
2
Coronavírus: conheça novos sintomas que podem indicar que você está com covid-19
Se você acompanha o noticiário sobre o novo coronavírus com certeza já deve ter ouvido falar sobre os principais sintomas …
3
Depressão: tudo o que precisamos saber sobre a doença
Não se trata de frescura e nem de preguiça. Depressão é uma doença grave e incapacitante que atinge mais de …
4
Cloroquina vs coronavírus: o que a ciência diz sobre o uso do medicamento
Da noite pro dia a cloroquina que é usada principalmente no tratamento contra a malária e algumas doenças reumatológicas, se …
5
Barato: yoga online para você praticar em casa na quarentena
O que você tem feito para aliviar a pressão da quarentena? Você tem colocado o seu corpo em movimento?  Se …
6
4 dicas essenciais para você fazer home office na quarentena
Teve que transformar a sua casa em um ambiente de trabalho por conta da quarentena causada pelo coronavírus? Então, este …
7
Coronavírus: entenda o colapso do sistema de saúde e funerário do Equador
Quanto mais avança a contaminação pelo mundo, mais cenas trágicas e impactantes a pandemia de coronavírus acaba criando. Como é …
8
O que a ciência e o Ministério da Saúde pensam sobre o coronavírus
Este Giro Catraca Livre vai ser um pouquinho diferente. Ao invés da gente mergulhar num tema e tentar traduzir ele …