Sinais de doença que é uma das principais causas de morte

Quando a pressão arterial está muito elevada, sobrecarrega o sistema cardiovascular e pode levar a alguns sinais e sensações

A hipertensão ou pressão alta dificilmente apresenta sintomas. Essa característica a faz ser considerada uma doença silenciosa e, por isso, perigosa, sendo uma das principais causas de morte.

A condição caracteriza-se pelos níveis elevados da pressão sanguínea nas artérias. Ela acontece quando os valores das pressões máxima e mínima são iguais ou ultrapassam os 140/90 mmHg (ou 14 por 9).

A pressão alta faz com que o coração tenha que exercer um esforço maior do que o normal para fazer com que o sangue seja distribuído corretamente no corpo.

Ela é um dos principais fatores de risco para a ocorrência de acidente vascular cerebral, enfarte, aneurisma arterial e insuficiência renal e cardíaca. 

Dor de cabeça pode sinalizar quando a pressão arterial está muito elevada
Créditos: Wavebreakmedia/DepositPhotos
Dor de cabeça pode sinalizar quando a pressão arterial está muito elevada

Sinais de alerta

Embora seja silenciosa, há alguns sinais de alerta que podem aparecer se sua pressão arterial estiver muito alta.

A Cleveland Clinic diz que há três sintomas que são perceptíveis. Estes são:

  • Dor de cabeça
  • Visão embaçada
  • Sangramento nasal

Esses sintomas podem ser um sinal de crise hipertensiva, que é quando a pressão arterial está ≥180 x 120 mmHg, ou 18×12.

A crise hipertensiva é uma urgência médica que requer tratamento imediato para evitar complicações.

Outros sintomas também podem aparecer neste caso, como falta de ar, dor no peito, palpitações cardíacas, tontura e vômito.

Como saber se minha pressão está alta?

A melhor forma de saber se sua pressão está alta é aferi-la. Já que, como dito anteriormente, em muitos casos, os sintomas costumam aparecer somente quando a pressão sobe muito.

Interpretação dos resultados:

  • Normal: menor que 120/80 mmHg.
  • Elevada: entre 120-129/80 mmHg.
  • Hipertensão estágio 1: entre 130-139/80-89 mmHg.
  • Hipertensão estágio 2: 140/90 mmHg ou mais.
  • Crise hipertensiva: superior a 180/120 mmHg.

O que fazer em casos de pressão alta?

A hipertensão arterial deve ser tratada para impedir complicações. Alguns casos podem necessitar do uso de medicamentos, como no caso de pacientes com níveis de pressão arterial acima de 180/110 mmHg.

Porém, para muitas pessoas, o tratamento não envolve remédios. O médico pode apenas orientar a adoção de um estilo de vida saudável, que inclui a prática de atividades físicas, redução do consumo de sal, deixar de fumar e manter uma alimentação saudável.