Últimas notícias:

Loading...

Amsterdã: 10 dicas imperdíveis do que fazer na capital holandesa

 No post de hoje, o Juju na Trip reúne dicas de Amsterdã, com atividade diferentes e originais para fazer pela cidade 

Amsterdã é uma cidade vibrante a cheia de surpresas. Aqui, você nunca sabe o que vai encontrar: uma ruela secreta,  um pequeno jardim escondido, um café super criativo, um bar num contêiner.

No post de hoje, o Juju na Trip reúne dicas de Amsterdã,  com atividade diferentes e originais para fazer pela cidade 

O Singel, um dos canais mais icônicos de Amsterdã

Onde se hospedar em Amsterdã

Em Amsterdã, recomendo escolher hotéis que fiquem perto do centro, na região do  Vondelpark, Leidesplein, 9 Streets, e Dam Square.

    • Nas 9 streets,  gosto do  Hotel Estheréa, que fica no Singel, um dos canais mais icônicos de Amsterdã.
onde ficar em Amsterda: o quarto do Swiss Hôtel
Onde ficar em Amsterdã: o quarto do Swiss Hôtel
  • Dam Square: sugiro o delicioso Swissôtel, que tem quartos com vista para a Dam e bicicletas para os hóspedes.
  • Leidseplein: aqui, já ficamos  hospedados no La Remise e adoramos. É um hotel boutique com decoração bem nórdicas, e  tons de cinza, amarelo e pastéis (um detalhe: o prédio não tem elevador)
Hoteis em amsterdã: o La Remise
Hotéis em Amsterdã: o La Remise

O que fazer em Amsterdã: Bimhuis

A Bimhuis tem shows de jazz e blues, e fica perto da  Centraal Station. Costuma receber virtuosos para se apresentar . Além dos shows, o espaço abriga também workshops de música (com shows gratuitos na sequência)

Onde : Piet Heinkade 3, 1019 BR Amsterdam

O que fazer em Amsterda: Bimhuis, com shows de jazz e blues
O que fazer em Amsterda: Bimhuis, com shows de jazz e blues

Amsterdã o que fazer: Hanneke’s Boom

Esse vale muito a pena em dias de sol. O Hanneke’s Boom é todo decorado com artigos de segunda mão e, no verão, ganha uma cara de beach bar. É  bem popular entre os locais, mas ainda pouco conhecido pelos turistas. Fique ligado, porque em alguns dias rola um “vinil evening” e pocket shows.

Onde: Dijksgracht 4, 1019 BS Amsterdam

O que fazer em Amsterdã: o Hanneke Boom
O que fazer em Amsterdã: o Hanneke’s Boom, um lugar bacanésimo e pouco conhecido pelos turistas

Café da manhã gourmet

Adoro o Screaming Beans. Tem um conceito de café especial: eles sabem tudo dos grãos, dos aromas, das combinações,  têm grãos de todos os países, e sempre torrados na hora. Pra acompanhar, torradas sandubas e doces.

OndeSingel 1016 AC Amsterdã

Amsterdã o que fazer: o café Screaming Beans
Amsterdã o que fazer: o café Screaming Beans

As ruas mágicas: 9 streets

Entre as ruas Leidsegracht e Raadhuisstraat, entre os canais Herengratch e Prinsengracht, ficam as 9 Streets gostosésimas para bater perna, tomar café, ver lojinhas e ateliês diferentões. É delicioso bater perna por aqui.

Museus de Amsterdã

De todos, o que mais gosto é o Van Gogh Museum. O museu tem a maior coleção do Van Gogh do mundo. São mais de 200 pinturas e 400 desenhos, entre eles  quadros como Os Girassóis, O Quarto, a Casa Amarela. E ainda uma mostra permanente de  Paul Gauguin.

O quarto, de Van Gogh

O Jordaan

O Jordaan é um bairro mais residencial, cheios de ateliês locais, cafeterias e galerias de arte. A nossa dica é andar sem rumo, tirar muitas fotos e parar para  comer uma torta de maça da cidade no Winkel 43.  Se quiser outro endereço certeiro no bairro, vá para a rua  Tweede Anjeliersdwarsstraat

A rua Tweede Anjeliersdwarsstraat, no Jordaan: uma das minhas preferidas

O Red Light District

O Red Light é um dos distritos mais antigos de Amsterdã, e é nele que se concentram os coffee shops, lojas com produtos feitos à base de marijuana, e o comércio do sexo (muitas vezes com prostitutas em vitrines). É um lugar de misturas, democrático, muito bacana de andar.

Além dos coffee shops e das cabines eróticas, há lojas, cafés, sorveterias, lanchonetes em barcos ancorados e uma turma de gente andando de um lado pro outro. Sem falar nos prédios históricos, como gótico Oudekerk.

Onde Kerk: Red Light District, que guarda alguns dos prédios mais antigos de Amsterdã

Alugue seu barco em Amsterdã

Sabia que você pode alugar seu próprio barco e dirigir pelos canais?  Não se acanhe caso não tenha experiência: não é preciso licença para navegar, e tendo internet 3g no celular  você não se perderá pelo anel de canais (alugamos o nosso barco com o Canal Motorboat, e custa 120 euros por 3 horas)

Alugamos um barco e nós mesmos dirigimos em Amsterdã

Quem voa para Amsterdã :

Fomos de KLM, que têm voos diretos para Amsterdã e Paris saindo do Rio de Janeiro, e porque é uma cia aérea da qual gosto muito.

Optamos pela premium economy, uma classe mais confortável que a padrão. As poltronas têm configuração 3x3x3, só que com 10 cm de largura a mais que a econômica, e reclinam 18 cm (a econômica reclina 9cm).

Não é uma  business, mas o conforto faz diferença, e vale à pena. E assim pudemos pegar o  voo foi noturno, chegar em Amsterdã cedo e ter disposição para curtira cidade.

Nosso voo de premium economic na KLM

Siga a gente também pelo Instagram

E vá aqui para ler mais sobre Amsterdã.

Em parceria com jujunatrip

O Juju na Trip é um blog de viagens que mostra as aventuras de uma família pelo mundo curtindo o melhor da vida. Por Gabriela Temer, Rico Sombra e Juju (a filhota!).

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário Juju na Trip

A Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

?>