Buenos Aires é opção econômica para viagens internacionais

Viagem para a capital da Argentina é o destino internacional mais barato para brasileiros

Por: Redação

Nos últimos meses dólar tem registrado uma forte valorização, ultrapassando os R$ 4,30 e tornado as viagens para Estados Unidos e Europa uma opção não muito econômica para os brasileiros. Isto tem feito crescer o interesse em roteiros com destinos nacionais ou pela América do Sul, como Buenos Aires (Argentina).

Crédito: Nicolamargaret/iStockBuenos Aires tem se tornado no destino internacional mais barato para brasileiros

Uruguai, Chile, Peru, Colômbia e Argentina são os destinos mais buscados em períodos como esses, uma vez que a moeda tem valorização igual ou menor, além de ter opções de passagens aéreas baratas.

Entre essas opções, Buenos Aires é ainda mais econômica. Com a desvalorização do peso argentino nos últimos anos, muitos turistas brasileiros estão aproveitando para passear e fazer compras na cidade portenha.

Crédito: Márcio Diniz | Catraca Livre  El Caminito, uma das atrações imperdíveis para conhecer em Buenos Aires

Além disso, não há necessidade de apresentar um passaporte para entrar no país, uma vez que a Argentina está dentro do acordo do Mercosul, permitindo que outras nacionalidades desses países possam cruzar a fronteira apenas com o RG.

Atualmente Buenos Aires ocupa a segunda posição entre os destinos internacionais favoritos entre brasileiros –em primeiro lugar está Lisboa, em Portugal.

Crédito: Márcio Diniz | Catraca Livre Iguarias no Mercado de San Telmo, em Buenos Aires

Entre todos os destinos internacionais apontados no ranking, o destino argentino é o mais barato – a viagem pode sair em torno de R$ 1.670, com passagens aéreas em voos diretos, hospedagem em hotel três estrelas e alguns passeios clássicos pela cidade, como uma visita à Casa Rosada e a um show de tango.

Além de Buenos Aires, outra cidade favorita dos brasileiros tem preços mais em conta para o turismo. Uma viagem para Montevidéu (Uruguai), sai por torno de R$ 2 mil, para 7 diárias nas mesmas condições.

Crédito: Márcio Diniz | Catraca Livre A livraria El Ateneo Grand Splendid, ícone de Buenos Aires, ocupa espaço onde antes funcionava um teatro

Crise na Argentina

A Argentina vem sofrendo com uma grande recessão nos últimos anos. Macri, que foi eleito com a promessa de trazer crescimento para o país, perdeu uma grande parte de sua popularidade e seu eleitorado, o que pode ocasionar em uma derrota para o político neoliberal nas próximas eleições.

Apesar disso, o turismo tem sido muito importante para a cidade, movimentando milhões de dólares e criando diversas oportunidades para os moradores.

Crédito: Márcio Diniz Para quem é fã de futebol não pode de deixar de visitar o Museu do River Plate ou do Boca Juniors, os dois maiores times da Argentina

O que fazer em Buenos Aires?

Cidade com ares cosmopolita e que preserva suas construções históricas, um simples passeio pelas ruas de Buenos Aires já se torna uma experiência inesquecível para os turistas.

Buenos Aires tem diversos cafés – entre os mais famosos, está o histórico Tortoni, restaurantes com a deliciosa carne argentina, museus de arte e história, além de parques que reúnem os portenhos que desejam aproveitar os finais de semana com maior tranquilidade.