Últimas notícias:

Loading...

Descubra tesouros de Seychelles, como o coco de mer, que chega a 30 kg

Paraíso do coco de mer fica na ilha de Praslin, onde hotéis dão show de sustentabilidade

Desembarcar em Seychelles traz a sensação de aterrissar em outro mundo. São 115 ilhas paradisíacas no Oceano Índico, na costa do continente africano.

O arquipélago reúne tesouros únicos. Da terra, vem o coco de mer,  o maior coco do mundo, que só existe lá. No céu, é possível ver a raposa voadora, na verdade um morcego peludo frutífero chamado roussette, que não faz mal a ninguém.

Crédito: Torsten DickmannPraslin, a ilha onde nasce o coco de mer, tem praias quase intocadas

No mar, Seychelles reserva corais coloridos para a prática de snorkel em águas transparentes. As praias rochosas e quase intocadas parecem saídas do descanso de tela do computador.

As riquezas únicas não param aí. Além de aves raras, como o papagaio negro, Seychelles também é a terra das tartarugas-gigantes, que chegam a viver 200 anos e a pesar mais de 300 kg.

Há uma ilha onde moram as gigantes, que só existem em Seychelles. Descubra neste link tudo sobre esses animais raros, na lista de animais em extinção.

 Visitei Curieuse island, a ilha das tartarugas gigantes em Seychelles
Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemVisitei Curieuse Island, a ilha das tartarugas gigantes em Seychelles

“São tartarugas únicas no mundo. Todas as outras gigantes, como de Galápagos, são diferentes espécies”, acrescenta Casey Leone, gerente do projeto The Turtle Room.

Adão, Eva e o coco

De acordo com uma das lendas do arquipélago, o paraíso no qual Adão e Eva viviam, nus e felizes antes de comer a maçã, fica em Seychelles. O Jardim de Éden, criado por Deus, está na ilha de Praslin.

Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemTrilha pela Vallée de Mai, em Praslin, Seychelles, onde seria o paraíso de Adão e Eva

Praslin não pode ficar de fora do seu roteiro. Lá estão algumas das praias mais fotografadas do mundo, além do hotel sustentável cujas águas das piscinas são potáveis.

Lá também está o Vallée de Mai,  Patrimônio Mundial da Unesco, reserva natural com palmeiras gigantes.

Aqui seria o local exato do paraíso de Adão e Eva, e a maçã, na verdade, seria o coco de 30 kg, ímpar no mundo.

Árvore coco de mer
Crédito: DivulgaçãoCoco de mer, o maior coco do mundo pode chegar aos 30 kg em formato diferente

Entre as árvores enormes, está a palmeira de 30 metros e folhas de 4 metros que dá o coco de mer. A fruta é o símbolo do país e está até no carimbo do passaporte.

O maior coco do mundo só dá lá, e há registros de coco de mer de 42 kg. Ele demora demora 7 anos para amadurecer. As árvores do coco, macho e fêmea, chegam a viver 400 anos.

A responsável pelo fruto é a fêmea, e como sempre, o trabalho é da mulher. A árvore fêmea leva 25 anos para começar a produzir o coco e o carrega por 10 anos. A árvore macho só produz o pólen.

Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemEntrada da reserva Vallée de Mai, com trilhas para ver as palmeiras gigantes, entre elas, a do coco de mer

Os cocos enormes em formato de nádegas já intrigaram muitos navegadores, que os viam boiando e achavam que a fruta nascia no mar.

O parque pré-histórico e muito bem-preservado permite visitas guiadas por trilhas para descobrir seus segredos. Com muita sorte, você poderá ver o papagaio negro, extremamente raro, mas que mora exatamente neste canto do mundo.

Caminhar entre as palmeiras centenárias é um programa surreal.

vallee-de-mai-andrea-miramontes
Crédito: Andrea Miramontes/ Lado B ViagemEntre as palmeiras gigantes do Vallée de Mai, Patrimônio Mundial da Unesco em Seychelles

Piscina de água potável

Para chegar à ilha de Praslin, onde está o Vallée de Mai, o barco demora 1 horas da ilha principal, Mahé, ou 20 minutos de voo com a Air Seychelles, a companhia aérea nacional.

Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemBeach club do Le Duc de Praslin tem café à beira-mar e baladinha

Jamais faça bate e volta de Mahé a Praslin. A ilha é uma das mais lindas do mundo e merece de duas a três noites.

Há vários hotéis charmosos em Praslin, como o  hotel-boutique Le Duc de Praslin, localizado na praia Côte d’Or , com mar transparente e beach club descolado para passar o dia.

praslin em Seychelles andrea miramontes
Praia Côte d’Or está o Café des Arts, em Praslin

O hotel de luxo despretensioso é focado em sustentabilidade, com tecnologia de painéis solares, tratamento de esgoto entre outros, além de sistema ecológico de limpeza das piscinas.

Crédito: Divulgação/ Le Duc de PraslinCafé fica à beira-mar e tem uma baladinha na parte de cima, aberta também para quem não é hóspede

As piscinas são de água potável, devido ao tratamento abandona o cloro, prejudicial ao meio ambiente.

Crédito: DivulgaçãoVila com área privativa do Le Duc de Praslin, hotel sustentável com piscinas de água potável em Seychelles

Le Duc de Praslin também tem restaurantes que reúnem o melhor da ilha, com funcionários locais, arraigados na cultura sheychellois.

Neste link você pode descobrir detalhes de como chegar a Praslin, onde provar comida creole, em especial para vegetarianos, além de mais detalhes deste hotel paradisíaco.

ladobviagem

Em parceria com ladobviagem

Andrea Miramontes, jornalista e viajante. Sou vegetariana/vegana e jamais divulgo atrações que escravizem animais. Sustentabilidade e ética no turismo em contato com a fauna são os pilares do meu trabalho. Faço os sites Lado B Viagem e Patas ao Alto. Seja muito bem-vindo!

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário Lado B Viagem

A Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.