Parques temáticos promovem ações sociais para amenizar efeitos do coronavírus

Várias iniciativas estão em andamento com o objetivo de ajudar os que mais precisam em meio à pandemia de Covid-19

Por: Redação

Com os portões fechados por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19), vários parques temáticos brasileiros estão promovendo ações sociais para auxiliar quem está mais vulnerável neste momento de dificuldades. As campanhas vão desde a arrecadação de alimentos e doação de sangue até a destinação de parte dos recursos obtidos com ingressos para comunidades próximas.

Depois de fechar o parque aquático como medida preventiva contra o avanço da pandemia, o Beach Park, no Ceará, iniciou campanha para arrecadar e doar 50 toneladas de alimentos e bebidas. Os mantimentos são distribuídos às comunidades do entorno e da região de Aquiraz, onde milhares de famílias vivem do turismo.

Crédito: DivulgaçãoBeach Park entrega de doações no abrigo de idosos Nossa Senhora das Graças em Fortaleza (CE)

A ação beneficiará, também, pescadores, bugueiros, rendeiras e artesãos, além de cozinheiras, garçons e vários outros profissionais que trabalham em diversas atividades ligadas ao turismo.

Em Canela, na Serra Gaúcha, o Alpen Park, que oferece esportes radicais e lazer, doou um ventilador respiratório ao sistema de saúde da cidade e outro para a vizinha Gramado. O empreendimento também está participando da campanha “Big Bem”, que busca arrecadar verbas para a compra de cestas básicas para famílias carentes de Canela

Já o Wet’n Wild, em Itupeva (SP), um dos maiores parques aquáticos do Brasil, fez campanha junto a seus colaboradores para estimular doações de sangue e abastecer hemocentros da região. Para isso, o parque orienta e oferece ajuda até no transporte dos funcionários, sempre seguindo recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde) sobre o coronavírus.

O Hot Park, parque aquático de águas naturalmente aquecidas localizado em Rio Quente (GO), também entrou na corrente do bem. Por meio do programa “Juntos pela Comunidade”, o parque reverteu 100% do valor de ingressos comprados até o final de abril para causas sociais imediatas e de amparo à comunidade.

O Grupo Cataratas, operador dos parques Cataratas do Iguaçu, de Fernando de Noronha, Paineiras-Corcovado, AquaRio, Bioparque do Rio e Marco das Três Fronteiras, está adotando várias ações, entre doações de alimentos, testes para detectar o novo coronavírus e até recompensas para quando os parques estiverem abertos.

O Grupo Ferrasa, empresa gestora dos três resorts do Complexo Hot Beach Olímpia – Thermas Park Resort & Spa, Celebration Resort Olímpia e Hot Beach Resort-, também realizou doações para os 58 idosos do Abrigo São José, em Olímpia (SP). Foram entregues cerca de duas toneladas de alimentos que estavam armazenados nos resorts, com frutas variadas, verduras diversas e uma grande quantidade de ovos.