5 atrações imperdíveis para explorar no Japão

Informar

Visto negado: 11 motivos comuns e como evitá-los

Saiba como não passar por essa situação que pode complicar a sua viagem

Por: Redação | Comunicar erro

Toda viagem internacional tem um planejamento, e uma das partes burocráticas é a solicitação do visto, que te permite ingressar normalmente no país.

Esse é um processo que deve ser requerido por todas as pessoas que têm passaporte e querem visitar um país em que o visto seja exigido, mas ele pode ser negado caso haja algum problema, o que impossibilita a viagem.

Visto americano
Crédito: a_Taiga/iStockOs procedimentos para cada visto são diferentes, e é importante conhecer todos eles antes de começar a tirar o documento

Alguns motivos são bastante comuns, e saber quais são eles, bem como a maneira de evitá-los, ajudará a concluir essa etapa e, assim, colocar em prática tudo o que você planejou!

Ao conhecer as principais causas que podem resultar na negação do visto, as chances de que o documento seja aprovado são maiores!

1 – Desconhecer o processo

Os procedimentos para cada visto são diferentes, e é importante conhecer todos eles antes de começar a tirar o documento. Por exemplo, se o formulário precisa ser preenchido de uma maneira e você não seguir essas orientações, ele pode ser negado.

Antes de iniciar os passos para a obtenção do visto, procure obter o máximo de informações com amigos e parentes que já passaram por isso ou em vídeos, blogs e redes sociais. Assim, você já saberá o que lhe espera.

2 – Solicitar o tipo incorreto de visto

Como tirar o visto
Crédito: DelpixartSaiba porque o visto pode ser negado e como evitar esse inconveniente

Há vários tipos de visto para o mesmo país, como para visitantes de negócios, estudantes, jornalistas, trabalhadores temporário e intercambistas, entre outras opções, e é essencial escolher o que se adéqua à sua viagem.

Por isso, tenha certeza que você se encaixa em todos os critérios e condições. Mesmo que atenda às exigências de um tipo de visto, pode ser que não o faça para outro tipo, já que as determinações podem ser diferentes.

3 – Chegar atrasado na entrevista

Assim que fizer a solicitação do visto, será agendado um horário para comparecer ao consulado. É essencial chegar na hora marcada, já que atrasos podem não ser tolerados. Nesse caso, será preciso agendar outra entrevista, o que acrescentará alguns dias ao processo.

O recomendável é chegar com pelo menos alguns minutos de antecedência. Assim, além de evitar imprevistos, você já estará mais ambientado ao local.

4 – Mostrar um itinerário incompleto

Os consulados desejam ver o itinerário completo da sua viagem, ou seja, quais serão todos os destinos pelos quais você passará, começando e terminando em seu país de origem.

Por exemplo, o itinerário pode ser Brasil – EUA – Brasil, ou Brasil – EUA – Canadá – Brasil.

Isso se torna ainda mais importante quando você vai visitar vários países. Leve as passagens ou as reservas de todo o trajeto para que não haja problemas com a aprovação.

Passaporte brasileiro
Crédito: rodrigobellizzi/iStockHá vários tipos de visto para um mesmo país, como de estudante, de negócios ou turismo

5 – Esquecer de algum documento

Além de preencher os formulários, é necessário levar vários documentos para a entrevista no consulado. Caso você se esqueça de algum deles, é quase certo que o visto será negado ou, pelo menos, levará mais tempo até que seja aprovado.

Para que isso não aconteça, procure quais são os documentos necessários para o visto daquele país e confira, pelo menos duas vezes, se todos estão com você antes de sair de casa. Assim, você evita atrasos e negativas.

6 – Demonstrar insegurança na entrevista

A tensão é natural durante a entrevista, já que aqueles poucos minutos definirão se o seu plano de viagem poderá ser seguido ou não. Porém, ainda assim, tente manter a calma enquanto estiver sendo entrevistado.

Visto americano
Crédito: Devonyu/iStockÉ essencial chegar na hora marcada da entrevista no consulado

Responda tudo que o agente do consulado lhe perguntar com clareza e sem demonstrar incerteza. Assim, ele confiará em você, perceberá que não há segundas intenções para visitar o país e, assim, as chances da aprovação aumentam bastante.

7 – Mostrar confiança em excesso na entrevista

A recíproca também é verdadeira: ser muito assertivo nas respostas e demonstrar plena confiança de que o visto será aprovado pode levantar suspeitas para o entrevistador. É possível que ele considere esse comportamento como arrogante ou desrespeitoso.

Por mais que você tenha pesquisado como é a entrevista, não demonstre já saber de tudo ou estar convicto de que terá logo o visto em mãos. Isso faz a entrevista correr com naturalidade e também aumenta as chances de aprovação.

8 – Dar informações demais durante a entrevista

As perguntas que o agente do consulado fizer devem ser respondidas de forma concisa, direta e simples, sem muitos rodeios. Informações adicionais que não sejam estritamente ligadas à pergunta não devem ser ditas.

Se você se estender nas respostas, é possível que o agente faça perguntas diferentes do que precisaria, o que tornará a entrevista mais longa e, principalmente, suspeita. Ao responder apenas o perguntado, você evita esse problema.

9 – Faltar com o respeito com o entrevistador

Ainda que seja uma etapa burocrática e, às vezes, um pouco tediosa, não demonstre estar descontente ou irritado com o processo. Também é importante escolher uma roupa mais formal para a ocasião.

Converse de maneira amistosa com o agente, demonstre respeito e se submeta à autoridade que ele representa. Com isso, a entrevista deverá ser bem mais tranquila.

10 – Mencionar que conhece alguém no país de destino

Ainda que você conheça alguém que more no país que você deseja visitar, seja um parente, amigo próximo ou conhecido distante, não dê essa informação durante a entrevista.

Se isso acontecer, o agente pode perguntar como você conheceu essa pessoa e pedir provas sobre ela, como documentos, contrato de emprego e até comprovantes bancários.

Deixe claro que seu objetivo é conhecer e explorar aquele país como turista. Assim, você não levanta suspeitas que podem complicar a emissão do visto.

Entrevista consulado americano
Crédito: PeopleImages/iStockAs perguntas que o agente do consulado fizer devem ser respondidas de forma concisa

11 – Dizer que você irá trabalhar no país

A menos que seu visto seja para trabalho e você tenha todos os documentos comprobatórios para tal, não mencione que irá trabalhar no país, mesmo que seja um trabalho remoto para seu país de origem ou mesmo serviços voluntários.

Os vistos para turistas são exclusivos para viajar e conhecer o país. Se for descoberto que você pretende trabalhar lá durante a entrevista, pode ser que o visto seja negado e seu nome entre em uma espécie de lista negra.

Se essa descoberta acontecer na imigração, pior ainda: você poderá ser preso, multado, deportado ou, em casos mais extremos, banido permanentemente de entrar naquele país.

Não deixe dúvidas de que você só quer viajar para conhecer o país. Assim, esses problemas não devem acontecer.

Agora que você já sabe o que precisa ser feito para passar sem problemas pela etapa do visto, comece a comprar dólar, reservar as passagens e hospedagens e colocar em prática todo o planejamento da sua viagem!

Brasileiros terão que pagar taxa para entrar na Europa

Compartilhe: