Coronavírus no RJ: a situação dos transportes e dos comércios

O Rio de Janeiro adotou medidas mais severas para conter o avanço do novo coronavírus. O governador do estado, Wilson Witzel, assinou um decreto que determina o fechamento de shoppings centers, centros comerciais, academias de ginástica e aparelhos culturais.

O texto também destacada que não é recomendada a circulação de pessoas em praias, lagoas, rios e piscinas pública do Rio. Pontos turísticos famosos foram fechados.

Além disso, as aulas foram suspensas nas escolas públicas, privadas e nas instituições de ensino superior.

Com relação ao transporte, a frota de ônibus, barcas, metrôs e trens foi reduzida. Alguns linhas do BRT, ônibus de trânsito rápido, foram suspensas.

Um medida mais recente fala sobre o fechamento das divisas para veículos interestaduais vindos de estados com a circulação comunitária do novo coronavírus, mas a ação ainda precisa ser aprovada pelas agências federais.

Veja no vídeo mais detalhes sobre os espaços que estão ou serão fechados no RJ.

Mais informações sobre o coronavírus: