Cabíria Festival celebra participação feminina no audiovisual

Evento gratuito tem programação para todas as idades, incluindo uma sessão dedicada às mães acompanhadas pelos filhos pequenos e uma mostra infantil

Por: Redação
Até
26
de novembro 2019
Segunda - Terça - Sexta - Sábado - Domingo
Diversos horários

Se você curte cinema, mas anda precisando economizar nos rolés, a Catraca Livre tem uma super dica! Entre os dias 22 e 26 de novembro, acontece a primeira edição do Cabíria Festival, evento gratuito que celebra a participação feminina no audiovisual.

Recebem a programação a Cinemateca do MAM (Av. Infante Dom Henrique, 85 – Praia do Flamengo), o Cinemaison Rio (Av. Presidente Antônio Carlos, 58 – 4° andar – Centro) e a Fundação Casa de Rui Barbosa (R. São Clemente, 134 – Botafogo). Confira a programação completa aqui.

Crédito: ReproduçãoFilme “Los Silencios”, de Beatriz Seigner, é um dos destaques da programação do Cabíria Festival

Com o lema “Por mais mulheres nas telas e atrás das câmeras”, o Cabíria Festival aposta em uma programação de longas e curtas-metragens, debates, painéis, oficinas e masterclasses.

A ideia é enriquecer a formação profissional das participantes, provocar reflexões inerentes ao feminino, dos desafios da maternidade à ocupação em cargos de decisão, e pensar alternativas para desenvolver projetos, resguardar os empregos gerados pela indústria do audiovisual e manter ofertas de programação para o público, mesmo diante da crise na cultura.

Entre as atrações estão a exibição dos filmes inéditos “Tarde para morrer jovem”, da chilena Dominga Sotomayor Castillo, premiado no Festival de Locarno; “O sussurro do jaguar”, de Thais Guisasola e Simon(e) Jaikiriuma Paetau; os documentários “À luz delas” de Nina Tedesco e Luana Faria; e “Fabiana” de Brunna Laboissière, além de 27 curtas de cineastas de todo o Brasil.

O evento também está recheado de filmes para mães e crianças. Algumas das opções são os curtas de animação “Lé com Cré”, de Cassandra Reis, vencedor do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2019; “Vivi Lobo e o Quarto Mágico”, de Isabelle Santos e Edu MZ Camargo; “Fábula da Vó Ita”, de Joyce Prado e Thalita Oshiro Meireles; e “Orun Ayiê, A Criação do Mundo”, de Jamile Coelho e Cintia Maria.

A coprodução colombiana, brasileira e francesa “Los Silencios”, dirigida por Beatriz Seigner, que teve estreia mundial na Quinzena dos Realizadores de Cannes, foi escolhida para a “Sessão Mães & Filh_s – Cinema e Maternidade”. A exibição do longa será adaptada para mães acompanhadas por seus bebês e crianças, seguida por bate papo com a diretora.

Para aprender e debater

Para quem quer aproveitar os painéis do Cabíria Festival, alguns dos destaques são “A Construção da Personagem”, com a atriz Maeve Jinkings; “Desafios da Produção Audiovisual e Coprodução Internacional”, com a ex-diretora da Ancine Debora Ivanov, a produtora Tatiana Leite, a pesquisadora Janaína Oliveira e a cineasta Lucia Murat; e “Plataformas digitais de conteúdo e representatividade” com Cleo, Vilma Melo, Isabel de Luca e Carol Albuquerque, representando as plataformas digitais Cleo On Demand e Hysteria. A atriz, roteirista e empreendedora – Suzana Pires apresentará a palestra “Dona de Si”.

O público ainda pode conferir o estudo de caso “Filmes em Processo”, com Jaqueline Souza, Renata Martins e Ana Johann e mediação de Marina Meira; a oficina “Autoras e personagens: a mulher no roteiro”, com Iana Cossoy Paro; e as masterclasses: “Desenvolvimento de projetos”, oferecida pela produtora executiva Raquel Leiko; e “Processo Criativo”, com a atriz e roteirista Karine Teles.

No CineMaterna, mamães podem curtir aquele cineminha com seus bebês em sessões especiais:

1
BH: Jetiboca tem café incrível a R$ 3, pão de queijo e muito amor
Um dos lugares mais incríveis e inusitados no centro de Belo Horizonte, em Minas Gerais, é o Mercado Novo. Há …
2
3 trilhas no Rio com vistas de tirar o fôlego
Esse vídeo é para os amantes de ecoturismo, ou mesmo para quem quer começar a fazer trilhas e se conectar …
3
Parque da Pedra Branca no RJ: a maior floresta urbana do país
Pega um calçado confortável, passar protetor e repelente e Colaí nessa caminhada pelas trilhas do Parque da Pedra Branca, a …
4
Roteiro zen para fugir do caos de SP
Viver em SP é estar sempre ligadão no 220. Mas é legal dar uma freada no corre corre, né não? Colaí …
5
3 rolés pra curtir no Baixo Tijuca no Rio de Janeiro
A região do Baixo Tijuca tem muito o que oferecer quando o assunto é cerveja gelada! Colaí que eu tenho as …
6
Arena Digital de Curitiba: cinema e planetário no mesmo lugar
Ver as estrelas, mergulhar no fundo do mar, conhecer de pertinho todo o sistema solar. Tudo isso é possível em …
7
Uma voltinha no Mercado Público de Porto Alegre
Mais do que um ponto turístico, o Mercado Público de Porto Alegre concentra consumo, crença, cultura e tradição no centro …
8
3 jóias gastronômicas antigas de São Paulo
Afinal, panela velha é a que faz comida boa? Se depender da Casa Mathilde, da Padaria Santa Tereza e do …