Artistas da Globo estão na mira da Receita Federal, diz colunista

A emissora foi obrigada a mostrar contratos com o alto escalão e vê medida como retaliação política de Bolsonaro

Por: Redação

O quanto o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tem de divergências com a TV Globo não é novidade, muito menos a pressão que ele faz em contra a emissora, mas agora, é possível que essa inimizade esteja chegando aos artistas e funcionários da rede. A Globo passa por uma fiscalização rigorosa da Receita Federal (RF) que exigiu que a emissora entregasse copias dos contratos de grandes artistas, segundo divulgou a coluna Radar, da revista ‘Veja’

globo receita federal
Crédito: Agência Brasil/Antônio Cruz e ReproduçãoArtistas da Globo estão na mira da Receita Federal, diz colunista

Segundo a coluna, depois de analisar os contratos, a Receita Federal passou a enviar cartas de autuação aos atores e atrizes da Globo, dando-lhes 20 dias para explicar seus vínculos com a emissora. Isso quer dizer, esclarecer porque existem contratos como pessoa jurídica (PJ) e não como CLT. A RF pode considerar que existe fraude nessas contratações, a depender dos encaminhamentos da apuração.

Ainda de acordo com a coluna, atores e atrizes precisão apresentar uma base legal sólida que sustente que “a contratação tenha ocorrido entre a Globo e a (empresa do artista) e não entre a Globo e o contribuinte”. Eles também terão que apresentar todas as documentações dessas empresas.

O objetivo da Receita Federal com isso é cobrar o imposto de renda (IR) dos artistas como pessoa física (27,5%) e não como pessoa jurídica (6% a 15%), justamente por ter uma tributação maior. Além disso, se a RF conseguir comprovar que os contratos PJ são fraude, poderá cobrar multa que pode chegar em 150%, ao considerar os últimos cinco anos de contrato.

Ao Radar, Leonardo Antonelli, advogado que representa os artistas da Globo, disse que toda esse procedimento da Receita Federal é uma retaliação política. “Para destruir a Globo vale tudo. O governo desconsidera sua política pública de pejotização e, ao mesmo tempo, atinge a cultura com uma cobrança tributária superior àquilo que os artistas ganharam”, afirmou.


Imagem Carnaval Sem Assedio
1
Bolsonaro pode sofrer impeachment por crime de responsabilidade?
O presidente Jair Bolsonaro compartilhou no whatssapp um vídeo que relembra a facada que tomou durante sua campanha presidencial e …
2
A repercussão dos ataques machistas à jornalista Patrícia Campos Mello
No final da última semana, Hans River do Rio Nascimento foi chamado para prestar depoimento na CPMI das Fake News. …
3
Governo Bolsonaro libera pesca em áreas de conservação ambiental
Uma portaria do Instituto Chico Mendes (ICMBio), órgão vinculado ao Ministério do Meio Ambiente, autorizou a pesca esportiva e amadora …
4
Chuva forte deixa São Paulo debaixo d’água
A chuva que começou ontem não deu sinal de trégua e fez São Paulo amanhecer debaixo d’água nesta segunda-feira, 10. …
5
Coronavírus: aviões da FAB vão retirar brasileiros de Wuhan, na China
Dois aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) decolaram nesta quarta-feira, 5, em direção a Wuhan, na China, para retirar os …
6
BBB20: Mulheres decidem o destino de Pétrix Barbosa
A união das mulheres  decidiu o destino de Pétrix não apenas no Big Brother Brasil 20, mas também fora da …
7
Damares Alves: abstinência sexual, protesto e contradição?
Por que este grupo de mulheres deu as costas para a ministra Damares Alves enquanto ela defendia sua política de …
8
Bolsonaro e a demissão do secretário que viajou com jato da FAB
O presidente Jair Bolsonaro anunciou em sua conta no Twitter que vai tornar sem efeito a nomeação de José Vicente …