Últimas notícias:

Loading...

Homem é condenado à prisão por infectar cinco parceiros com HIV

O Tribunal do Reino Unido sentenciou Daryll Rowe, de 27 anos, a cumprir o mínimo de doze anos em regime fechado

Por: Redação
Homem é condenado por infectar parceiros com o vírus HIV

Após meses de julgamento, o tribunal de Brighton Crown, no Reino Unido, condenou o cabeleireiro Daryll Rowe, de 27 anos, à prisão perpétua por infectar propositalmente pelo menos cinco parceiros que conheceu através de aplicativos de relacionamento com o vírus HIV.

De acordo com informações do jornal “The Independent”, esse é o primeiro caso registrado de alguém que foi considerado culpado por disseminar o vírus causador da Aids a outrem de forma intencional.

No total, Daryll infectou cinco rapazes com o vírus e tentou transmitir para outros cinco. No julgamento, nove das vítimas compareceram ao tribunal.

Em novembro do ano passado, o cabeleireiro já havia sido considerado culpado pelo crime e agora terá que cumprir pelo menos doze anos em regime fechado, para depois pedir liberdade condicional.

Homem é condenado por infectar parceiros com o vírus HIV

Em seu parecer, a juíza Christine Henson destacou que Rowe não esboçou nenhuma reação diante das acusações e equiparou as infecções pelo vírus HIV a uma “sentença de morte”.

“Muitos destes homens eram muito jovens, estavam na casa dos seus 20 anos, na altura que tiveram a infelicidade de o conhecer”, declarou a magistrada.

HIV

Descoberto em 1981, ainda não existe cura para o vírus HIV, embora a medicina tenha evoluído significativamente nesse campo com o aprimoramento dos antirretrovirais que hoje em dia, não apenas prolonga a expectativa de vida do portador, como confere qualidade.

Leia mais: 7 informações que todo mundo precisa saber sobre HIV

Em três décadas, a Organização Mundial da Saúde aponta que mais de 36 milhões de pessoas morreram em decorrência da doença e outras 37 milhões vivam com o agente causador da Aids alojado no corpo.

No Brasil, o Ministério da Saúde informa que mais de 800 mil pessoas são portadoras do vírus. Ainda segundo a pasta, dentre os grupos de maiores infectados no país, os jovens com idade entre 15 e 24 anos e idosos são os que têm registrados maiores índices de incidência da doença nos últimos anos.

Leia também:

Compartilhe:

?>