Últimas notícias:

Loading...

Prêmio Cidadão SP homenageia Quebrando o Tabu, em Comunicação

Cerimonial do mais importante reconhecimento a quem faz a diferença na capital paulista será realizado na Biblioteca Mário de Andrade e terá show gratuito

plataforma de mídia e notícias Quebrando o Tabu será a homenageada  pelo Prêmio Cidadão SP 2018, na categoria Comunicação, por tornar-se referência na defesa da democracia nas redes sociais, abordando temas ligados a direitos humanos, como aborto e LGBTfobia, de forma clara e sem preconceitos.

O prêmio é o mais importante reconhecimento a quem faz a diferença na capital paulista, com repercussões em todo o Brasil. Promovido pelo ReciproCidade, o projeto é conduzido pelo jornalista Gilberto Dimenstein, com o fator Talento – uma parceria da Catraca Livre com o Banco Fator.

Neste ano, também serão homenageados a agência Africa, o pianista Marcelo Bratke, o designer Marcelo Rosenbaum, a Orquestra Moderna, educadora Tabata Amaral e a casa de shows Tupi or Not Tupi.

A plataforma Quebrando o Tabu ganhou o Prêmio Cidadão SP na categoria Comunicação
Crédito: Reprodução/Facebook/@quebrandootabuA plataforma Quebrando o Tabu ganhou o Prêmio Cidadão SP na categoria Comunicação

Defesa de direitos

Em novembro, a Catraca Livre e o Quebrando o Tabu se uniram em uma missão. O objetivo era apoiar a campanha de Danilo Gentili contra a indicação de Magno Malta para o Ministério da Família, que reuniria Desenvolvimento Social e Direitos Humanos.

Na ocasião, a campanha #magnomaltanão focava não apenas o despreparo do senador. A ação era, sobretudo, um combate à sua homofobia.

A página Quebrando o Tabu foi lançada em 2011 para divulgar o documentário do mesmo nome, que tratava do combate às drogas. Em 2018, o projeto ainda virou uma série documental no canal GNT.

Vencedores 2018

A lista dos homenageados do Prêmio Cidadão SP foi divulgada no dia em que se comemoraram os 70 anos da Declaração dos Direitos Humanos. Saiba mais nesta reportagem.

Alguns nomes  já foram condecorados pelo prêmio: o maestro João Carlos Martins; Danilo Miranda, diretor do Sesc-SP; o jornalista Jairo Marques, da Folha de S.Paulo; e os empreendedores sociais Antonio Nóbrega, do Instituto Brincante, e Roberto Kikawa, do Projeto Cies.

Biblioteca Mário de Andrade

O Prêmio Cidadão SP é celebrado sempre de uma forma diferente, mas simbólica. Neste ano, por exemplo, a cerimônia acontece no dia 25 de janeiro, aniversário da cidade de São Paulo, em um dos pontos mais icônicos da capital: a Biblioteca Mário de Andrade.

Segunda maior do país e marco da arquitetura moderna na capital, a biblioteca, que também abre aos domingos e feriados, promove iniciativas culturais relacionadas a clubes de leitura, teatro, encontros, música e palestras.

A cerimônia contará com a apresentação de Marcelo Bratke, um dos maiores pianistas brasileiros, que fará show gratuito com a Camerata Brasil.

Leia também: Agência Africa ganha maior prêmio da cidade de São Paulo

Em parceria com qsocial