CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Trump se escondeu em bunker da Casa Branca durante noites de protestos

Presidente norte-americano considerou como terroristas as ações do grupo ANTIFA, que protesta contra o fascismo e contra o racismo nos EUA

Por: Redação

O presidente Donald Trump se escondeu em um bunker da Casa Branca na última sexta-feira, 29, durante protestos realizados nos entornos da residência oficial do presidente norte-americano, conforme informou hoje a mídia local. As manifestações aconteceram devido o assassinato de George Floyd, de 46 anos, um homem preto que foi asfixiado até a morte por um policial branco.

A decisão de esconder Trump foi tomada pelo Serviço Secreto norte-americano, segundo o New York Times. Manifestantes lutavam com agentes do Serviço Secreto para remover barreiras de metal instaladas em frente à Casa Branca.

casa branca trump bunker
Crédito: Reprodução/TwitterDonald Trump se escondeu em bunker da Casa Branca

Trump elogiou em sua conta do Twitter o “ótimo trabalho” do Serviço Secreto na noite anterior na frente de manifestantes “totalmente profissionais”. “Eu estava dentro (da Casa Branca), observei todos os movimentos e não poderia me sentir mais seguro”, acrescentou. Trump também criticou duramente a prefeita da capital, Muriel Bowser, quem ele disse “não permitir que a polícia de DC se envolva (no controle dos protestos). ‘Não é o trabalho dela’. Bom!”, disse o governante em seu tweet.

“Enquanto ele se esconde atrás da cerca, com medo/sozinho, estou com as pessoas que exercitam pacificamente a Primeira Emenda (o direito à liberdade de expressão) logo após o assassinato de #GeorgeFloyd e centenas de anos de racismo institucional”, respondeu a prefeita.

Terroristas?

Neste domingo, 31, após os EUA enfrentarem a sexta noite seguidas de protestos antirracistas, o presidente Donald Trump afirmou que irá considerar o movimento ANTIFA, que luta contra o fascismo, como um movimento terrorista.

O ANTIFA está presente em diversos países e se utiliza da bandeira e de ideais democráticos para irem contra propagadores de ideais supremacistas, neonazistas, xenófobos e autoritários. As primeiras aparições do grupo surgiram em um estado fascista – a Alemanha de Adolf Hitler.

Após o assassinato de Floyd, diversos grupos, cidadãos isolados e movimentos sociais aderiram à causa das manifestações nas ruas, que observaram uma escalada de tensão nas últimas semanas devido a depredação de lojas, delegacias policiais e violência da polícia com manifestantes.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.