Últimas notícias:

Loading...

10 novelas marcantes na carreira de Tarcísio Meira

De 1960 até 2018, foram anos trabalhando com atuação dando vida a inúmeros personagens da dramaturgia brasileira; Confira os que mais se destacaram!

Tarcísio Meira, que faleceu nesta quinta-feira, 12, por complicações da Covid-19, deixou um grande legado nas novelas brasileiras. Com mais de 60 anos de carreira, o artista colecionada grandes papéis na dramaturgia brasileira, atravessando gerações. Em sua última participação em novelas, ele interpretou o Lorde Williamson em “Orgulho e Paixão”, da Globo, exibida em 2018.

10 novelas marcantes na carreira de Tarcísio Meira
Crédito: Reprodução/Instagram @ _tarcisiomeira10 novelas marcantes na carreira de Tarcísio Meira

Dentre novelas, séries e minisséries, o ator esteve em mais de 50 trabalhos na televisão. Por isso, em memória às obras da dramaturgia eternizadas pelo artista, separamos 10 novelas que foram marcantes na carreira de Tarcísio Meira. Confira a seguir em ordem cronológica.

1 – Uma Pires Camargo (1961)

“Uma Pires Camargo” foi começo de uma era de sucessos, foi através dessa novela que ele estreou na TV e também contracenou pela primeira vez ao lado de sua esposa Glória Menezes.

2 – 25499 Ocupado (1962)

Um ano após a estreia na televisão, ele se casou com Glória Menezes e deram continuidade na parceria em “25499 Ocupado”, a primeira novela diária do Brasil.

25499 Ocupado (1962)
Crédito: Reprodução/Tv Excelsior25499 Ocupado (1962)

3 – Sangue e Areia (1967)

“Sangue e Areia” foi a estreia de Tarcísio Meira na Globo e contracenou de novo ao lado da amada Glória Menezes, consagrando o casal como um dos favoritos do público.

Sangue e Areia (1967)
Crédito: Reprodução/TV GloboSangue e Areia (1967)

4 – Irmãos Coragem (1970)

Foi vivendo o mocinho João Coragem em “Irmãos Coragem” que o ator chegou a outro ponto alto na carreira, já que a novela é considerada uma virada importante na teledramaturgia brasileira.

Irmãos Coragem (1970)
Crédito: Reprodução/TV GloboIrmãos Coragem (1970)

5 – Guerra dos Sexos (1983)

Saindo da roupagem de galã das novelas, em “Guerra dos Sexos” ele interpretou o atrapalhado Felipe. Foi nesta obra que ele mostrou que também tinha talento para comédia.

Guerra dos Sexos (1983)
Crédito: Reprodução/TV GloboGuerra dos Sexos (1983)

6 – Rei do Gado (1996)

Em um dos maiores sucessos da teledramaturgia brasileira, “Rei do Gado”, Tarcísio fez Giuseppe Berdinazzi, o inimigo do protagonista Bruno Mezenga, feito por Antônio Fagundes.

Rei do Gado (1996)
Crédito: Reprodução/TV GloboRei do Gado (1996)

7 – Torre de Babel (1998)

Em “Torre de Babel” o ator interpretou César Toledo, dono do shopping Tropical Tower.

Torre de Babel (1998)
Crédito: Reprodução/TV GloboTorre de Babel (1998)

8 – O Beijo do Vampiro (2002)

Iniciando a década de 2000, Tarcísio interpretou dois personagens em “O Beijo do Vampiro”, Duque Bóris (no passado) e Igor Pivomar (no futuro).

O Beijo do Vampiro (2002)
Crédito: Reprodução/TV GloboO Beijo do Vampiro (2002)

9 – A Favorita (2008)

Em “A Favorita” o artista deu vida a Copola, um líder do movimento operário, que era apaixonado pela filha do dono da fábrica, Irene, interpretada por Glória Menezes.

A Favorita (2008)
Crédito: Reprodução/TV GloboA Favorita (2008)

10 – Orgulho e Paixão (2018)

Em seu último papel em novelas, Tarcísio fez o Lorde Williamson em “Orgulho e Paixão”. Na trama, ele era um poderoso industrial inglês e implantou estradas de ferro no Brasil.

Orgulho e Paixão (2018)
Crédito: Reprodução/TV GloboOrgulho e Paixão (2018)

Menções honrosas da carreira de Tarcísio Meira

Meu Primeiro Baile (1976)

Mais uma vez, Tarcísio entrava para história da TV, novamente ao lado de Glória Menezes, ao estar no primeiro programa em cores a ser exibido na TV brasileira, “Meu Primeiro Baile”.

Meu Primeiro Baile (1976)
Crédito: Reprodução/TV GloboMeu Primeiro Baile (1976)

Tarcísio e Glória (1988)

“Tarcísio e Glória” é um seriado que foi exibido quinzenalmente na Rede Globo. A obra conta histórias das quais Tarcísio Meira e Glória Menezes eram protagonistas. Direitos das mulheres e corrupção foram temas trabalhados na parte do roteiro.

Tarcísio e Glória (1988)
Crédito: Reprodução/TV GloboTarcísio e Glória (1988)

Compartilhe: