Ator Vitor Morosini, de Belíssima, cai do 5º andar de hotel em SP

A mãe do artista negou que o filho esteja com depressão

Por: Redação | Comunicar erro
Vitor Morosini e Claudia Raia belíssima
Crédito: Reprodução/TVGloboVitor Morosini ao lado de Claudia Raia em Belíssima

O ator Vitor Morosini, de 29 anos, que fez sucesso por sua atuação na novela Belíssima, caiu do quinto andar de um quarto de hotel em Barretos, no interior de São Paulo, na manhã desta quinta-feira, 23. Ele sofreu politraumatismo e não corre risco de morte.

De acordo com informações do portal UOL, o artista está internado na Santa Casa de Misericórdia da Cidade, e tem o quadro de saúde considerado estável. Para a polícia, a principal hipótese é de que Morosini tenha tentado cometer suicídio, segundo o próprio teria informado no hospital.

Morosini passou por mais uma cirurgia neste sábado, 25, para corrigir as fraturas que teve nos pés. Segundo o jornal Extra, a mãe do artista, Maria Inez Ávila, disse que o filho está consciente, mas com muitas dores devido às múltiplas fraturas.

“Ele quebrou os dois pés, o fêmur direito em dois lugares, o úmero do braço esquerdo, a escápula… Ele ainda fará mais cirurgias além desta que está fazendo. Mas ele é forte e está se recuperando”, contou a mãe.

Maria Inez negou que o filho esteja com depressão: “Não tem nada diagnosticado. Ele estava numa fase de recomeço. Quando tudo isso passar, aí, sim, vamos saber o que aconteceu e saber como ele está. Mas agora é um assunto muito delicado para ser tratado de qualquer jeito. Antes da pessoa pública, o Vitor é um ser humano. Que teve muita sorte. Ele estar vivo e sem sequelas neurológicas é um milagre”.

Carreira

Vitor Morosini
Crédito: Reprodução/TVGloboVitor Morosini teve passagens pela Globo e o SBT

Vitor Morosini fez sua estreia na TV aos 10 anos de idade, no extinto seriado “Sandy & Junior” (1999-2002), da TV Globo. Depois foi para o SBT e participou das novelas “Pequena Travessa” e “Jamais Te Esquecerei”. Em 2005 ele voltou para a emissora carioca, e atuou ao lado da atriz Claudia Raia em “Belíssima”, folhetim assinado por Silvio de Abreu, que está sendo reprisado no “Vale a Pena Ver de Novo“.

Prevenção ao suicídio

Dados do primeiro boletim epidemiológico sobre suicídio no Brasil, divulgado no final de 2017, apontou que cerca de 11 mil pessoas tiram a própria vida no país todos os anos.

Segundo o Ministério da Saúde, houve um crescimento de 12% no número de casos de suicídio entre 2011 e 2015, sendo que essa já é a quarta maior causa de morte entre brasileiros com idade de 15 e 29 anos.

Desde o dia 1º de julho de 2018, ligações para o Centro de Valorização da Vida (CVV), que auxilia na prevenção ao suicídio, passaram a ser gratuitas em todo o território nacional.

Veja no link abaixo como o atendimento é feito.

Compartilhe:

1 / 8
1
03:50
Você não sabe, mas pode pagar mais caro pelo ingresso
2
02:30
O pai de cada signo
De ariano nervosinho a pisciano esquecido, veja quais são as características do pai de cada signo do zodíaco.
3
02:41
Como ganhar espaço no armário com cabide #CatracaLivreEntretenimento
Aprenda como ganhar espaço no armário com um truque fácil usando cabides e anéis de lata. Evite que as roupas …
4
03:42
Criolo em o irmão do Jorel #CatracaLivreEntretenimento
O rapper Criolo fala sobre sua participação na terceira temporada do desenho Irmão do Jorel, produção brasileira de grande sucesso …
5
02:36
12 detalhes escondidos nos filmes da Disney
Mickey em "A Pequena Sereia", Rapunzel em "Frozen" e Scar em "Hércules": descubra esses e outros detalhes que passam despercebidos …
6
03:02
9 motivos pelos quais libra é o melhor signo do zodíaco
Sociáveis, justos, carismáticos e amorosos: listamos esses e outros motivos pelos quais nós simplesmente amamos o signo de libra!
7
02:03
Como seria o cachorro de cada signo do zodíaco
O ariano é bravinho, o taurino curte uma soneca, o geminiano é carismático – veja como seria o cachorro de …
8
02:37
10 cenas emocionantes que nos fizeram chorar quando crianças
Listamos dez filmes, séries e desenhos com cenas que fizeram muitas crianças dos anos 80 e 90 se emocionarem.