Últimas notícias:
Loading...

Chay Suede detona Jair Bolsonaro e viraliza na web

O ator disse que o candidato do PSL é "incompetente" para o cargo que almeja nas eleições 2018

Chay Suede justificou seu voto contra Bolsonaro
Créditos: Reprodução/Fotomontagem
Chay Suede justificou seu voto contra Bolsonaro

O ator Chay Suede se tornou a mais recente celebridade a aderir à campanha “Ele Não” contra o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL-RJ) e, ao justificar sua posição contrária ao ex-deputado, o famoso utilizou adjetivos como “incompetente” para se referir ao político.

“Bom, ‘Ele Não’ porque o livro dele foi escrito por um torturador e ele não teve o pudor de admitir isso durante uma sabatina em rede nacional. O que, na minha opinião, é gravíssimo e revela o caráter no mínimo violento de um homem no qual eu não desejo que deseja o presidente do meu país”, iniciou o artista.

“’Ele Não’ porque relativiza a escravidão e trata a meritocracia como uma possibilidade em um país tão desigual como o nosso. ‘Ele não’ porque não fala em redistribuição de renda, apesar de vivermos em um país tão injusto”, continuou o ator.

“’Ele Não’ porque faz sinal de arma com a mão em um país violento como o nosso. Não acho que seja isso que a gente precisa. Ele não, ele nunca”, concluiu Chay Suede.

View this post on Instagram

Fui convocado por minha amiga @lauralavieri a dizer porque #elenão. Convido meus amados @joaovicente27, @_danilomesquita e @pedrotourinho a fazerem o mesmo #elenao #elenunca

A post shared by chay (@chay) on

Paulo Gustavo

Outro famoso que aderiu ao “Ele Não” foi o comediante Paulo Gustavo, que utilizou do bom humor para se posicionar contra Bolsonaro.

“Gente, tô vindo aqui dizer pra vocês que eu não vou votar no Bolsonaro, porque eu sou a favor da democracia e ele não é a favor da democracia, ele é a favor da ditadura. Eu acho ele um cara extremamente agressivo com mulheres, ele é homofóbico – não tem como ser homofóbico porque aí vira um assunto pessoal, né, que aí realmente não tem como votar em quem não gosta de ‘viado’ – ele é um cara racista, completamente racista”, iniciou o humorista.

“Eu acho um retrocesso votar nesse homem, tá bom?! É um cara que é a favor do porte de arma, mas eu não sou a favor de nada disso. Eu acho ele completamente despreparado pra ser o presidente da República. Você que vai vir na minha página falar, ‘ah viado, mama na teta do caralho a quatro’… você vai rasgar teu c* pra cima, mas eu não irei votar no Bolsonaro e eu faço questão de vir aqui dizer, que eu como artista, influenciador, com milhões de seguidores [deveria me posicionar contra o postulante do PSL]”, concluiu o famoso.

https://www.instagram.com/p/BoHjSQoli9W/?utm_source=ig_embed