Filho de Chitãozinho é denunciado pela ex por sexualizar filha no TikTok

Segundo a denúncia da mãe, Nicole Wolfensberger, o pai da criança criou um perfil da filha e publicou fotos dela em poses sexualizadas

Por: Redação
Ouça este conteúdo

A modelo Nicole Wolfensberger, de 32 anos, ex-mulher de Allison Lima, filho do cantor Chitãozinho, registrou um boletim de ocorrência contra o ex por sexualizar a filha, de 7 anos, no aplicativo TikTok. Segundo a denúncia, o pai da criança, junto com sua atual namorada criaram um perfil para a menina e publicaram fotos dela com roupas íntimas.  As informações são do G1.

modelo denuncia filho chitãozinho tiktok
Crédito: Reprodução/InstagramEx denuncia filho de Chitãozinho pela ex por sexualizar filha no TikTok

A mãe da menina contou à polícia que descobriu o perfil da criança com fotos dela usando sutiã em poses sexualizadas. Nicole registrou o Boletim de Ocorrência registrado na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) no Cambuci, em São Paulo.

No Boletim de Ocorrência, ao qual o G1 teve acesso, o filho de Chitãozinho teria dito à modelo que o perfil da menina, de 7 anos, foi cadastrado “e alimentada pela investigada Raisa, namorada de Allison”. Nicole ainda contou que após seu pedido para deletar TikTok feito para a filha, o pai e a namorada chegaram a desativá-la por algum tempo.

A modelo ainda alega que “nunca autorizou publicação das imagens” da filha. Por meio de stories no seu perfil no Instagram, a modelo contou que denunciou a conta da filha ao TikTok e que o perfil foi deletado pela rede social.

Raisa Maciel Tonaco, namorada do filho de Chitãozinho disse ao G1 que ela e Allison querem proteger a menina. “A gente não tem nada a declarar, a nossa única posição é de proteger uma criança, o que não está sendo feito pela outra parte, só que a gente não vai julgar o que ela tem feito, é um problema dela, então a gente não tem nada a declarar, enquanto a gente tiver de proteger essa criança nós não vamos declarar nada, é isso que importa”, disse Raisa. Nicole não quis comentar o caso.

Compartilhe: