Pais de Duda Reis acusam Nego do Borel de agressão à noiva

Atriz negou alegações do pai e da mãe, e cantor pretende processá-los

Por: Redação

Quando Duda Reis anunciou nas redes sociais que reatou o noivado com Nego do Borel, os fãs achavam que as polêmicas em torno do casal haviam chegado ao fim. Mas não foi bem isso o que aconteceu. A mãe da atriz usou a publicação da filha para acusar o cantor de agressão.

duda reis nego do borel
Crédito: Reprodução/Instagram Duda Reis e Nego do Borel anunciaram que reataram o romance e travaram uma briga com os pais da atriz

Em resposta a um seguidor que aconselhou os pais a deixarem o namoro da filha “em paz”, Simone contou que o funkeiro empurrou Duda na rua, jogando-a no chão e também a expulsou de uma van durante uma viagem do casal para fora do país.

‘Você ia gostar de ser empurrada na rua e jogada no chão? Ser expulsa de uma van no meio de uma viagem internacional? Ser traída pra car*** e saber? Duvido que sua mãe ia te deixar em paz”, escreveu a médica.

Crédito: Reprodução/Instagram desabafo da mãe de Duda Reis

Em outro post, a sogra de nego disse que o genro se faz de “menino sofrido que sofre preconceito”: “O próximo passo dele na rede agora serão os posts de menino sofrido que sofre preconceito. Menino humilde. Você nem imagina os directs que a gente recebe de gente lá do Borel que afirma a arrogância, prepotência e maldade dele! Aguarde e verá os próximos videozinhos do cada que ama ser vítima”.

Crédito: Reprodução/Instagram  

Enquanto isso, o pai da jovem, Luiz Fernando, a chamou de ‘idiota’ nas redes sociais e a acusou de “vender a família por um trocado de um mau-caráter”.

“Larga de ser idiota e acorda para a vida! Conta a verdade para as pessoas! Nada é pior que vender a família por um trocado de um mau-caráter que agrediu você, sim, que quase te abandonou no meio da estrada em Portugal, que te agride verbalmente, que faz você ter medo! Palavras suas, não minhas!”, escreveu ele.

Duda Reis, por sua vez, negou as alegações de seus pais e disse que eles continuarem contra o seu relacionamento irá processar Luis Fernando.

duda reis e luiz fernando
Crédito: Reprodução/Instagram Duda Reis com o seu pai, Luiz Fernando

“A atriz Duda Reis informa que nunca foi agredida por nenhum homem e muito menos pelo seu noivo, nego do Borel. Como qualquer casal, já se desentenderam e como prova que não houve tal agressão, não há prova alguma em justiça. Luiz Fernando constantemente vem direcionando ofensas à Nego do Borel por diversos motivos incabíveis prejudicando midiaticamente a imagem de sua própria filha. Em meio a tantas calúnias e difamações, em um ato de desespero, Duda disse que o processaria para que ele parasse de espalhar inverdades com o seu nome”, dizia o comunicado, segundo o jornal Extra.

Sobre a ameaça de processo da filha, Luiz Fernando emendou: “Continua defendendo esse idiota, mas se prepara para a conta futura! Como você me comunicou hoje, estou aguardando ser processado por você, afinal, é a sua família que lhe causa tanta injustiça e tanto mal! Realmente, você virou o que ele é: um nada! Pode apagar, você sempre tenta esconder a nossa sinceridade!”.

Assim que soube de toda a repercussão do caso, Nego do Borel se manifestou por meio de um comunicado direcionado à imprensa informando que irá processar os sogros pelos insultos, e afirmou estar sofrendo preconceito racial.

“Pela primeira vez vou falar abertamente sobre algumas situações que me machucam muito: o preconceito com um homem preto da favela que venceu na vida. Desde pequeno sempre passei por muitas situações desconfortáveis e, a princípio, não entendia o porquê. Mas com o tempo enxerguei os motivos que faziam as pessoas me olharem torto no shopping, na praia e em qualquer outro lugar fora das favelas: ser um jovem preto que fala gírias. Graças a Deus e após muito esforço, consegui vencer na vida e atingir lugares inimagináveis. Para muitos, isso é inadmissível. Pessoas que acham que eu “só posso ser bandido” e que tentam criminalizar as minhas atitudes. Mais uma vez, hoje, eu sofri com inverdades sobre mim partindo de pessoas que se sentem ofendidas com a minha felicidade. Em respeito às pessoas que eu amo, sempre coloquei panos quentes e procurei não ligar para essas agressões gratuitas. Mas isso cansa. Até quando seremos obrigados a aturar que tratem todo preto favelado como bandido? Chega! Eu vou atrás dos meus direitos e vou tomar as devidas providências. Este preconceito é um mal que já deveria ter sido extinto da nossa sociedade. Não vou permitir que tentem me calar nem caluniar mais. Meus advogados que estão cuidando de tudo agora!”, declarou.

O COMEÇO DE TUDO

duda reis nego do borel
Crédito: Reprodução/Instagram Nego do Borel está sendo acusado de agredir Duda

Em abril de 2020, quando Nego do Borel e Duda Reis reataram o namoro, os pais da modelo foram contra e ficaram revoltados em saber que ela deixou o apartamento que eles alugaram para ela na Barra para ir morar com o cantor. Furioso, o médico Nando Barreiros, pai de Duda, afirmou que “não chegou a criar uma filha para ser maltratada nas ruas” e chamou o genro de “canalha” e “mau-caráter”.

Ainda de acordo com a publicação, pessoas próximas à família afirmam que Duda já quis terminar a relação uma vez e comunicou aos pais que teria sido agredida e trancada em casa por Nego, e que ele a deixava sozinha. Ela teria relatado também que foi cortada de “Malhação” porque viajou com o funkeiro e não voltou a tempo para gravar.

Preocupados, os pais de Duda implantaram até um chip nas coisas da modelo para saber onde ela estava. Os amigos contam que a família sempre tratou bem Nego do Borel antes disso tudo acontecer.


VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER

Muito se discute sobre a agressão física à mulher, que é um motivo de grande preocupação, mas há outros tipos de agressão que as mulheres sofrem diariamente e muitas vezes nem reconhecem tal atitude como agressão. Vamos falar um pouco sobre cada uma:

Tipos

1. Violência Física
Causa danos ao corpo da vítima, os danos podem ser causados através de socos, tapas, chutes, amarrações, etc. Em 2006 foi criada a Lei Maria da Penha que tem o propósito de diminuir a violência doméstica e familiar contra a mulher. São registradas mais de 50 ligações por dia, mas é de conhecimento que o número de casos de violência física contra a mulher é muito maior e que muitas acabam não denunciando seus agressores por medo e por vergonha.

2. Violência Psicológica

Continue lendo aqui: Violência contra a mulher: conheça os tipos e como denunciar

Campanha #ElaNãoPediu

Nenhuma mulher “pede” para apanhar. A culpa nunca é da vítima. A campanha #ElaNãoPediu, da Catraca Livre, tem como objetivo fortalecer o enfrentamento da violência doméstica no Brasil, por meio de conteúdos e também ao facilitar o acesso à rede de apoio existente, potencializando iniciativas reconhecidas.