Web relembra tragédias de Glee após desaparecimento de Naya Rivera

Sumiço da atriz e as mortes de Cory Monteith e Mark Salling levantam hipótese de "maldições" do seriado musical

Por: Redação

Naya Rivera, atriz que ficou famosa por seu papel na série Glee, está desaparecida há mais de 24 horas, após sair para fazer um passeio de barco no Lago Piru, na Califórnia (EUA), na companhia de seu filho, Josey, de 4 anos de idade.

naya rivera
Crédito: Reprodução/Instagram Naya Rivera está desaparecida há mais de 24 horas

O garotinho foi encontrado sem a mãe, dormindo na embarcação, junto com a bolsa da atriz, além de uma carteira e comida. Segundo autoridades, o filho de Naya afirmou que nadou no lago com a mãe, mas que ela nunca retornou ao barco. O garoto usava colete salva-vidas, mas a atriz não, já que o dela foi encontrado na embarcação.

Depois que o sumiço da intérprete de Santana Lopez veio à tona, diversos internautas ficaram assustados por este ser mais um caso trágico envolvendo o elenco de Glee. Apesar de não ter a confirmação de que Naya morreu, a polícia já trabalha com a hipótese de que ela possa ser encontrada sem vida.

O caso abriu margem para que os fãs relembrassem casos como os de Cory Monteith e Mark Salling. O primeiro, que fazia o papel do protagonista Finn, morreu em julho de 2013, de overdose. Ele injetou heroína e bebeu champanhe.

Já Salling, o Noah ‘Puck’, teve seu corpo encontrado pendurado em uma árvore perto do rio Los Angeles, em Sunland, em 2018. O ator se declarou culpado pela posse de imagens de pornografia infantil.

Outro caso menos comentado publicamente foi o de executivo Matt Bendik, cerca de um ano após a morte de Monteith. Ele era namorado da atriz Becca Tobin, a Kitty de Glee. O executivo foi encontrado morto em um hotel na Filadélfia, e até hoje o motivo do falecimento nunca foi esclarecido.

Confira a repercussão abaixo:

Compartilhe: