Tradição de família! Monte Líbano serve iguarias árabes desde 1973

O Achado Elo desse tradicional restaurante libanês da 25 de Março é o kibe michui, quitute que você só encontra por lá

Ouça este conteúdo

Transmitidas de geração para geração, as preciosas receitas da família Maatouk encantam o paladar de quem frequenta o Monte Líbano, localizado em uma travessa da famosa rua 25 de março, no Centro de SP.

Kibe Michui - Monte Líbano
Crédito: Gabriel de Moura - Achados EloVocê tem que provar o tradicional Kibe Michui, um dos Achados Elo no restaurante Monte

O que torna esse restaurante tão especial são os temperos e pratos que estampam o cardápio da casa desde seu surgimento em 1973, como o imbatível kibe michui, o verdadeiro Achado Elo do local.

Essa iguaria, dificilmente encontrada em outros restaurantes do gênero, é assada na brasa, temperada com aquelas especiarias árabes super saborosas e recheada com carne e pinhole, gordura de carneiro ou coalhada seca. E para acompanhá-la, vale a pena provar o tradicional prato de lentilha com arroz coberto com cebola bem fininha e levemente queimada.

Quem comanda a casa durante esses quase 50 anos – e é responsável pela cozinha! – é dona Alice Maatouk, que abriu o Monte Líbano junto com seu falecido marido, com quem criou boa parte das receitas servidas no restaurante.

Atualmente, ela conta com a ajuda da filha, Regina Halim Maatouk, que também divide a função de chef, administra o espaço e é responsável por coordenar eventos fora do estabelecimento.

Monte Líbano
Crédito: Gabriel de Moura - Achados EloO Monte Líbano fica em uma travessa da Rua 25 de Março

A casa, que também funciona no esquema de rodízio, é frequentada por clientes fiéis de longa data, mas também tem seu público determinado pelo movimento da 25 de Março. “O perfil dos lojistas e pessoas que frequentam a 25 de Março mudou bastante nos últimos anos. Mas recebemos clientes bem diversos, que já fizeram até fila na porta para experimentar nossos pratos”, conta Regina Maatouk.

Outros quitutes que você não pode deixar de provar são os charutinhos de folha de uva ou repolho, recheados com arroz e carne moída; o trio de pastas (homus, babaganuche e coalhada seca); o arroz marroquino (com frango desfiado e amêndoas); as kaftas; a fatuche (uma salada preparada com salsinha, tomate, hortelã, pepino e pão torrado temperado com limão, zaatar e azeite); o kibe cru; as esfihas (de carne, frango com catupiry, carne com coalhada, queijo e tomate, coalhada, ricota, e outras) e os beirutes.

E a casa também tem boas opções para quem é vegetariano. Como é o caso do kibe de batata, feito com uma massa de trigo com batatas e recheado com grão de bico e cebola; as esfihas de verdura, zaatar e chanclich (um tipo de queijo árabe); e o sanduíche de falafel (bolinhos fritos de grão-de-bico acompanhados com molho, salsa, tomate, cebolinha e hortelã no pão árabe).

Crédito: Gabriel de Moura - Achados EloO restaurante também funciona no esquema de rodízio

Os docinhos típicos tornam sua refeição ainda mais especial. Prove o ninho de pistache (com nozes, damasco ou amêndoas), burma (com macarrão cabelo de anjo recheado com castanha de caju), belewa (massa folhada recheada com nozes) ou halewe (um doce de gergelim).

Quer conhecer este achado?

O Monte Líbano funciona na rua Cavalheiro Basílio Jafet, 38, 1º andar, no Centro Histórico, sempre no horário do almoço, de segunda a sábado, das 11h até as 15h. Você também pode pedir por delivery via aplicativos, retirada no balcão e encomendas – por meio do telefone (11) 3229-4413.

O estabelecimento está tomando todas as medidas necessárias para garantir a segurança dos clientes, de acordo com os critérios estabelecidos pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Faça também a sua parte! Ao visitar o espaço, lembre-se de usar máscara de proteção e só tirá-la na hora de consumir os alimentos e bebidas. Além disso, higienize bem as mãos com álcool em gel ou água e sabão.

Curtiu essa dica? Então, confira aqui outros Achados Elo imperdíveis em SP!