Últimas notícias:

Loading...

Anvisa aprova tratamento para osteoporose que é capaz de formar osso

Remédio romosozumabe é o primeiro a impedir a perda de massa óssea e estimular a fabricação de osso

Por: Redação
Ouça este conteúdo

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou o Evenity (romosozumabe), o primeiro e único construtor ósseo com efeito duplo: evita perda da massa óssea, além de regenerar as partes já comprometidas pela osteoporose.

O medicamento é indicado para o tratamento em mulheres na pós-menopausa com alto risco de fratura ou pacientes que falharam ou são intolerantes a outras terapias disponíveis. O medicamento demonstrou em estudos que reduz rapidamente o risco de fratura e constrói um novo osso com 12 meses de terapia.

tratamento para osteoporose aprovado
Crédito: IstockAnvisa aprova tratamento contra a osteoporose

No Brasil, a doença atinge cerca 10 milhões de pessoas e tende a se agravar ao longo dos próximos anos com o envelhecimento da população.

A osteoporose é conhecida por acometer principalmente idosos, mas as mulheres em menopausa, pacientes de alto risco (com fratura prévia, histórico familiar de fratura de quadril e pacientes com quedas frequentes) também são afetados e descobrem a doença após a primeira fratura.

“Esse tratamento é uma ótima oportunidade para solucionar esse problema da saúde pública. Pacientes que já foram expostos à primeira fratura têm um risco maior de sofrer quebras secundárias. Com o novo medicamento é possível optar por um tratamento que, além de regenerar os ossos, previne novas ocorrências”, afirma o ginecologista Ben-Hur Albergaria, vice-presidente da Comissão Nacional de Osteoporose.

Compartilhe: