EM ALTA

Pessoas com depressão usam estas palavras com mais frequência

Pesquisadores analisaram textos de 64 fóruns online sobre saúde mental para identificar esse padrão de linguagem

Por: Redação

Um novo estudo divulgado na publicação científica Clinical Psychological Science mostra que pode haver uma maneira de identificar se uma pessoa está sofrendo de depressão simplesmente prestando atenção nas palavras que ela mais usa.

Analisando fóruns online de saúde mental e até mesmo relatos em diários, a pesquisa descobriu que as pessoas que sofrem desse mal tendem a ter padrões de linguagem semelhantes.

mulher com a cara triste e as mãos na boca
Crédito: Getty Images/iStockphotoCertas palavras e frases são costumeiramente repetidas por quem tem depressão

De acordo com os pesquisadores, pessoas deprimidas usam uma quantidade excessiva de palavras que transmitem emoções negativas, especificamente adjetivos e advérbios, como “solitário”, “triste” ou “miserável”.

Além disso, essas pessoas também usam bastante pronomes como “eu” e “meu”. Já pronomes como “eles” e “nós” são menos utilizados. Isso sugere, segundo a pesquisa, que essas pessoas se sentem isoladas dos outros e focam a atenção somente nelas mesmas.

Outro alerta vermelho é quando a pessoa usa muito palavras como “sempre”, “nunca” ou “completamente”. Segundo a pesquisa, elas estavam mais presentes nos fóruns analisados do que palavras de emoção negativa.

Sintomas da depressão

A depressão é muito mais do que tristeza. Essa última tende a ser passageira, geralmente, despertada por algum evento, como morte ou fim de relacionamento. Já a depressão trata-se de uma doença psiquiátrica de caráter crônico e com crises recorrentes.

A doença é multissistêmica, pois afeta vários sistemas e órgãos do corpo. Os sintomas a seguir são os mais comuns e podem ser divididos em três grupos:

Emoções e sentimentos:

Tristeza
Angústia
Ansiedade
Baixa auto-estima
Insegurança
Medo

Cognitivos:

Diminuição da concentração
Diminuição da memória recente
Dificuldades de retenção das informações
Pensamento mais lento
Ideias pessimistas
Visão niilista a respeito de si, do mundo, do futuro e dos relacionamentos

Físicos:

Alterações do sono
Alterações do apetite
Aparecimento de dores pelo corpo
Redução da energia
Fadiga

O tratamento para a depressão é feito por meio de psicoterapia, medicamentos antidepressivos ou uma combinação de ambos, dependendo da gravidade.

Compartilhe: