Sedentarismo pode influenciar 3 em cada 100 mortes no país

Estilo de vida sedentário aumenta as chances de doenças físicas e mentais, apontam estudos

Por: Redação | Comunicar erro
grupo de pessoas na praia
Crédito: FG Trade/istockFalta de atividade física é considerada o quarto maior fator de risco de mortes

A falta de atividade física pode influenciar três em cada 100 mortes no país, segundo um alerta feito pelo Ministério da Saúde. Dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM), da pasta, apontam que – em 2017 – dos 1,3 milhões de óbitos, 34.273 mil estão relacionados a doenças ligadas ao sedentarismo, como hipertensão, diabetes e problemas cardiovasculares.

De acordo com a  Organização Mundial da Saúde (OMS), a falta de atividade física é considerada o quarto maior fator de risco de mortes no mundo. Essa afirmação é suportada por vários estudos. Um deles observou, por exemplo, que os pacientes que passam mais horas sentados por longos períodos sem se levantar são duas vezes mais propensos a morrer por qualquer causa do que aqueles que ficam sentados em intervalos mais curtos.

Ouro estudo com 10.381 participantes associou um estilo de vida sedentário e falta de atividade física com maior risco de desenvolver um transtorno de saúde mental. Uma revisão ainda incluiu dados de 110.152 participantes e encontrou uma ligação entre o comportamento sedentário e um risco aumentado de depressão.

senhor se exercitando
Crédito: FatCamera/istockOMS recomenda 150 minutos de atividades físicas

Por outro lado, a prática de exercícios físicos regular traz benefícios difíceis de ignorar. Além de prevenir as doenças ligadas ao excesso de peso, alivia o estresse, melhora a qualidade do sono e preserva a saúde óssea.

Dos 18 aos 64 anos, a OMS recomenda pelo menos 150 minutos de atividade física aeróbica de intensidade moderada durante a semana ou pelo menos 75 minutos de atividade física aeróbica intensa ou uma combinação equivalente de atividade de intensidade moderada e vigorosa.

Confira aqui o tipo de atividade recomendada para cada faixa etária.

Compartilhe:

1 / 8
1
04:00
Netflix: filmes e séries sobre sexo de uma forma bem divertida
O assunto de hoje é sexo, sendo tratado de forma leve para aprender e se divertir, através de filmes e …
2
03:45
Netflix: Os melhores filmes para você entender a depressão
Indicamos aqui dois filmes que falam sobre como lidar com as emoções e com a depressão: "Divertida Mente", animação de …
3
03:16
Whindersson Nunes dá lição ao falar sobre cirurgia no ânus
Whindersson Nunes voltou a ser assunto nas redes sociais. Desta vez, o motivo foi a cirurgia de emergência que realizou …
4
02:41
Ótimos filmes gratuitos ensinam a lidar com obesidade infantil
Obesidade infantil é uma doença séria. Hoje temos duas dicas de filmes sobre o tema : "Muito Além do Peso” e …
5
02:31
Saiba o que é e como se proteger da tuberculose
Uma reportagem publicada pelo jornal O Estado de S. Paulo mostra um salto nos casos de tuberculose no Brasil.  Só …
6
04:30
As descobertas médicas que surpreendem o mundo
“As Melhores Surpresas do Mundo” é o programa que discute as coisas mais inovadoras e surpreendentes que o mundo oferece. ——————————————————– DIREÇÃO: …
7
04:46
Os perigos do movimento antivacina
O político italiano e ativista antivacina, Massimiliano Fedriga, foi internado para se tratar de uma catapora. Seria engraçado, senão fosse …
8
02:44
O cachorro médico que ajuda crianças com câncer
"As Melhores Surpresas do Mundo" é  o programa que discute as coisas mais inovadoras e surpreendentes que o mundo oferece. -------------------------------------------------------- DIREÇÃO: …