Tudo o que você precisa saber para aderir ao Slow Beauty

Sustentabilidade, saúde e consumo consciente são os pilares desse movimento que propõe uma maneira mais gentil de autocuidado

Por: Silvia Melo

Talvez você já seja adepta do Slow Beauty e nem saiba. Se no seu banheiro existem pouquíssimos cosméticos, se aposta em receitas naturais para cuidar do cabelo e da pele e se toma decisões conscientes ao consumir produtos de beleza, você está com – pelo menos – um dos pés dentro desse movimento.

A onda slow propõe um um olhar diferente sobre o auto-cuidado e a beleza, alicerçada na sustentabilidade ambiental, no respeito aos animais e no comércio justo. Traduzindo tudo isso, o Slow Beauty defende a beleza natural, com produtos mais simples, porém funcionais, e livres de químicas pesadas que comprometem a saúde.

É praticamente um resgate dos saberes tradicionais, da forma de cuidado que nossas avós tinham quando não existiam tantos produtos industrializados para cada parte do corpo, rosto e cabelo.

mulher rodeada de folhagens
Crédito: Jun/istockSlow Beauty propõe um pé no freio do consumismo de produtos de beleza industrializados e encoraja uma maneira mais gentil de se cuidar

Menos é mais

De acordo com a dermatologista Cibele Tamietti, essa quantidade excessiva de produtos que a indústria nos faz acreditar ser necessária é dispensável. “É importante consumir com consciência. Tem paciente que quer um creme para cada parte do corpo ou rosto e, muitas vezes, isso não é necessário. O excesso de produtos pode causar irritações na pele. Nada em excesso é saudável”, afirma a especialista da clínica Leger.

mulher deitada na grama com olhos fechado e folhas em seu rosto
Crédito: Sarah Comeau/UnplashMinimalismo e conexão com a natureza norteiam a beleza consciente

A jornalista Marcela Rodrigues é uma das referências desse estilo de vida. Criadora da plataforma de conteúdo A Naturalíssima, a fluminense, que mora atualmente em São Paulo, ensina receitas de DIY com itens naturais e rituais voltados não só para beleza, como também para o bem-estar.

“A gente tem que pensar no que escorre pelo ralo e qual impacto que isso vai ter no meio ambiente”, argumenta a influencer que estuda terapias holísticas e se define como aprendiz de curandeira.

“Vai sair pelo nosso ralo microesfera de plástico? Produtos tóxicos, ingredientes que são nocivos ao meio ambiente, como tricosan, parabenos e outros ativos? A gente tem refletir sobre isso porque hoje a gente sabe que não existe fora. Tudo que vai para o ralo de alguma maneira vai voltar”.

A grande vantagem de se explorar produtos naturais é que, muitas vezes, os ingredientes podem estar na cozinha ou até mesmo na hortinha de casa.

Se você misturar óleo de coco com açúcar, por exemplo, terá um esfoliante natural. Se retirar o gel de uma folha da babosa, terá um poderoso hidratante para os cabelos.

“Isso traz autonomia, traz segurança, traz o despertar de uma intuição, de uma habilidade que muita gente nem sabe que tem”, afirma Marcela.

Além disso, o uso desses produtos naturais torna os cuidados com a beleza bem mais acessíveis e divertidos. “Quando você sabe fazer um produto, você nunca mais vai ler um rótulo da maneira como fazia antes”, acrescenta.

Conhecimento é poder

Cada vez mais, as pessoas estão tendo acesso à informação e descobrindo que é possível, sim, deixar de lado o excesso de produtos e se cuidar só com o essencial.

Se esse cenário ainda é novo para você, abaixo a dermatologista Cibele Tamietti  esclarece alguns conceitos que aparecem com frequência quando se fala em Slow Beauty.

O que são cosméticos orgânicos

Para ser orgânico, o cosmético tem que seguir uma série de requisitos, entre eles, ser sustentável e ecologicamente correto. Além disso ele precisa ter ingredientes naturais provenientes de uma produção orgânica, livre de agrotóxicos, de organismo geneticamente modificado ou de adubos sintéticos.

Diferença dos cosméticos orgânicos e dos convencionais

Os cosméticos orgânicos evitam substâncias potencialmente alergênicas encontradas nos cosméticos convencionais. No entanto, algumas marcas dermatológicas antigas no mercado, percebendo esse movimento por produtos naturais, estão buscando lançar cosméticos mais puros, com 0% de fragrância, álcool e parabenos.

Benefícios dos ativos naturais para a nossa pele

plantas e óleos na mesa
Crédito: Marilyna/istockÓleos essenciais, ervas e óleos vegetais são alguns dos produtos naturais utilizados na rotina de cuidados

Os ativos naturais são encontrados em diversos produtos, tanto naturais/orgânicos, como em alguns industrializados. Eles podem ser usados in natura e trazem diversos benefícios para a pele, como hidratação, melhora da qualidade da derme, prevenção do envelhecimento e ação antioxidante.

Cada ativo tem seus benefícios específicos, como a argila branca, por exemplo, que tem diversos compostos minerais, ação anti-inflamatória, adstringente clareadora e cicatrizante. A vitamina C e o resveratrol (derivado da uva) são potentes antioxidantes e diminuem a produção de radicais livres no organismo, decorrente da poluição, má alimentação, excesso de sol, entre outras agressões.

Já o ácido hialurônico é produzido pelo nosso organismo, mas a partir dos 25 anos de idade sua produção natural diminui e por isto é tão importante repor. Ele tem alto poder de hidratação, mantém a sustentação da pele evitando a flacidez, preenche as rugas e deixa a cútis mais viçosa e revitalizada.

Para manter uma pele saudável e viçosa, de acordo com a dermatologista Cibele Tamietti , é importante investir na vitamina C, resveratrol, ácido hialurônico, argila branca, aveia, germe de trigo, romã, ceramidas, entre outros.

Fazer o próprio cosmético

É possível fazer receitas caseiras, mas fica o alerta que elas nem sempre são inofensivas para a saúde da pele. Algumas plantas como, por exemplo, a aroeira e os crisântemos podem dar dermatite de contato.

A exposição de algumas substâncias, como frutas cítricas, alimentos de cor verde (que contém o bergapteno) e algumas ervas (como por exemplo arruda, aipo, salsinha e coentro), associadas à exposição solar podem causar fitofotodermatose (manchas e até queimaduras) na pele.

Além disso, a mistura de substância quando realizada de forma inadequada e com produtos incompatíveis entre si, pode também provocar reações inesperadas.

View this post on Instagram

em tempo, um ritual de bem-estar 2 em 1 para boas-vindas à primavera 🌸Máscara facial + banho curativo. A protagonista: rosa branca, sintonizada com a medicina da cura, da plenitude, da pureza. Suspiros… . . Ritual 1 ~ Máscara facial de pétalas rosas brancas para desinchar, acalma peles sensíveis e promover uma expressão descansada. Ingredientes // Pétalas de 4 rosas brancas 
1 colher (sopa) de maisena
 1 xícara (chá) de água quente . Preparo // Faça um chá com as pétalas: coloque as pétalas dentro de um recipiente com vidro e acrescente 1 xícara (chá) de água quente e tampe. Deixe descansar por 10 minutos. Depois, coe e misture um pouquinho da água na maisena apenas para dilui-la e misture. Acrescente, aos poucos, mais um pouco de água até formar uma pasta. Deixe esfriar e descansar em um prato por cerca de 10 minutos. Misture bem e, com as mãos, aplique no rosto com movimentos ascendentes. Deixe secar  por 15 minutos e depois lave com água corrente fria. . . Ritual 2 ~ Banho // Aproveite as pétalas brancas que sobraram (vale até misturar com outras ervas que tiver em casa, outras flores, como camomila, e até alecrim!), macere com as mãos e jogue sobre o corpo após seu banho! Pra embalar, nossa playlist anaturalissima (lá no Spotify). . . Essa receita de máscara fez parte da série #skinfoodlovers parceria de receita nossa com foto @_legumina / @correaelisa 🌟 #slowbeauty #meuritualnatural #skinfoodlover #anaturalissima

A post shared by marcela rodrigues 👁🌙 (@anaturalissima) on

Locais para se cuidar a partir dos princípios do Slow Beauty

Essa onda verde de produtos de beleza naturais, orgânicos e livres de componentes tóxicos tem ganhado cada vez mais público. Do mesmo modo, também surgem cada vez mais salões e spas para atender essa demanda. Os valores, no entanto, ainda não são tão acessíveis assim. Confira abaixo alguns desses locais e serviços.

SÃO PAULO

Laces and Hair

O salão considerado o “spa dos cabelos” utiliza técnicas convencionais e exclusivas naturais e orgânicas para tratar os fios. Entre os procedimentos, destacam-se a coloração vegetal, tratamento de cabelo com aminoácidos e vitaminas, velaterapia (procedimento que faz a cauterização do cabelo com a chama de uma vela cosmética), além de limpeza do couro cabeludo com soluções adstringentes e óleos essenciais.

cabeleireiro massageando a cabeça de cliente
Crédito: Divulgação/Laces and HairAlguns tratamentos no Laces and Hair incluem massagem no couro cabeludo

Em São Paulo, são cinco unidades localizadas no Morumbi, Jardins, Itaim Bibi, Moema e Villa Lobos.

Contato: (11) 3062 8411

Preços dos serviços:

Revitalize – R$ 399 (de segunda a quarta-feira) bordado (elimina ponta dupla) + nutrição dos fios + massagem de ombro e couro cabeludo + meditação +máscara reconstrutora no lavatório.

Multivitaminas – a partir de R$ 484 (para cabelo curto ) e R$ 599  (para cabelo longo) . O tratamento inclui vitamina + limpeza do couro cabeludo + massagem + luz de quartzo + secagem.

A Naturalista

O Naturalista se define como o primeiro salão de beleza saudável e vegano do Brasil. Com três unidades em São Paulo – uma na Vila Madalena, uma em Perdizes e outra menor no Brooklin – o salão faz colorações com produtos vegetais, alisamento à base de babosa, cupuaçu e carbocisteína natural, além de oferecer outros tratamentos com formulações mais delicadas para atender mulheres gestantes.

salão a naturalista
Crédito: DivulgaçãoEspaço do A Naturalista na Vila Madalena

Lá, não entram produtos comuns de salões convencionais, como formol, amônia, petroquímicos, parabenos, silicones, BHT, EDTA, fragrâncias e corantes sintéticos.

Além de tratamento para os cabelos, também há limpeza de pele com produtos veganos, detox facial e terapias corporais.

Contato: (11) 2857-5650

Preços dos serviços:

Corte – R$ 200,00 (masculino e feminino – inclui avaliação, lavagem e secagem livre)

Corte à máquina – R$ 120,00

Manutenção de corte – R$  100,00 (mesmo corte, retorno em até 30 dias)

Corte de franja – R$  80,00

Escova Hidratante – partir de R$ 90,00 (inclui lavagem)

Espaço Surya Brasil

Inspirado na medicina Ayurveda, o spa oferece tratamentos estéticos feitos com cosméticos naturais, orgânicos e veganos da marca Surya Brasil, que não são testados em animais e não possuem ingredientes de origem animal.

Contato: (11) 5084-2591

Natural do Barbosa

O espaço localizado na Galeria Ouro Fino, na Augusta, é dedicado aos cuidados com a cabeleira. Além de ser um salão, no local também são vendidos os cosméticos artesanais utilizados nos tratamentos.

Todos os produtos do local são livres de parabenos, sulfatos, fragrâncias e corantes sintéticos e outros componentes químicos prejudiciais à nossa saúde e ao meio ambiente. Além disso, não são testados em animais.

Contato: (11) 98104-6565

CURITIBA

Flamingos Non-salão

Os profissionais do salão trabalham com produtos de beleza sustentáveis  e oferecem serviços que se aproximam de um encontro com a auto-aceitação. Entre os serviços prestados, estão a consultoria – que analisa o fio e o couro cabeludo, a terapia anticaspa e o detox dos fios.

Contato:  (41) 3779-2633

Preços dos serviços:

Consultoria para terapia capilar – R$ 45,00

Detoxifying + Tratamento para os Fios – partir R$ 347

Terapia de Reconstrução – Nourishing Building Pak (P) – R$ 120

Terapia anticaspa – R$ R$ 312

BELO HORIZONTE

Laces and Hair

Espaço na capital mineira oferece os mesmos tratamentos das unidades de São Paulo. Entre os procedimentos, destacam-se a coloração vegetal, tratamento de cabelo com aminoácidos e vitaminas, velaterapia (procedimento que faz a cauterização do cabelo com a chama de uma vela cosmética), além de limpeza do couro cabeludo com soluções adstringentes e óleos essenciais.

Contato: (31) 3500 -8200

Compartilhe:

Por: Silvia Melo

1
Câncer de próstata: saiba o que é e como se prevenir da doença
O câncer de próstata é o segundo tipo de tumor mais comum entre os brasileiros. De acordo com informações do …
2
03:38
Cuidados e prevenções para a saúde das mulheres
Dores menstruais parecem típicas, mas podem ser um sinal de endometriose. Hoje, a Dra. Luiza Cadioli, médica de família e comunidade, …
3
02:37
Saiba quais são os sintomas do Transtorno bipolar
O transtorno bipolar vai além das variações de humores. Hoje, o Dr. Jair de Jesus Mari, psiquiatra e professor da Unifesp, …
4
01:40
O que é a Fibromialgia e quais os sintomas?
Você já sentiu dores intensas em algumas partes do corpo? Hoje, a Dra. Luiza Cadioli, médica de família e comunidade, fala …
5
04:15
Quais são os sintomas que indicam diabetes?
Você sente uma fome excessiva, mas não consegue identificar o por quê? Hoje, a Dra. Luiza Cadioli, médica de família e …
6
04:43
Quais são os sintomas da Esquizofrenia?
A esquizofrenia é um dos tipos da psicose, que é um sintoma que descreve condições que afetam a mente. Hoje, o …
7
03:10
Como os fatores sociais impactam a expectativa de vida
Saneamento básico e desemprego são alguns dos fatores que podem impactar diretamente com a nossa longevidade. Hoje, a Dra. Aline de …
8
01:28
Psicose: saiba como identificar
Pensamentos vagos e incoerentes? Como identificar um surto psicótico? Hoje, o Dr. Jair de Jesus Mari, fala sobre os sintomas da …