Vegetarianos e veganos se deliciam nos restaurantes de Mônaco

Entre as opções está Elsa, o primeiro restaurante 100% orgânico do mundo a receber uma estrela Michelin

Por: ladobviagem | Comunicar erro

Comer em Mônaco é um programão. Restaurantes descolados, com as vistas mais lindas e criatividade na cozinha fazem a festa para quem ama gastronomia.

Abaixo, listo algumas experiências vegetarias e veganas que tive por lá. Não necessariamente em restaurantes que são só para esse público, mas com excelentes opções.

Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemNo mercadão Le Marchè de la Condamine você experimenta a pissaladière e outras comidinhas típicas

Infelizmente, não provei Elsa, o primeiro restaurante 100% orgânico do mundo a receber uma estrela Michelin.

Mas fucei o menu e anotei vários pratos de vegetais “from the garden” , como este risoto com queijo francês Brillat-Savarin, aipo, pera e pó de nozes, por € 39.

Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemMenu vegan do L’Hirondelle tem a entrada tartar de beterraba, mas o menu sazonal muda sempre

Além dos restaurantes, é interessante fazer um passeio no mercadão de Mônaco, onde os locais fazem compras de produtos frescos.

Pequeno e charmosinho, Le Marchè de la Condamine tem guloseimas típicas de Mônaco, como a pizza toda diferente do principado, a pissaladière, além de outras delícias vegetarianas.

Abaixo, indico não só para veganos, mesmo porque eles servem todos os públicos. Reserve, sempre, antes de ir.

E depois se programe neste post para não perder 6 passeios pela cultura, jardins e história do país.

Restaurantes imperdíveis

L’Hirondelle

Almoço saudável. O restaurante de cara para o Mediterrâneo e os iates milionários, no porto, com uma das vistas mais lindas de Mônaco.

L’Hirondelle fica junto com o spa Thermes de Marine, o mais luxuoso do país e onde fiz o tratamento que entrei pelada em uma sala  a -110°C, a crioterapia.

Crédito: Divulgação / Reprodução Lado B ViagemRestaurante L’Hirondelle com uma das vistas mais lindas de Mônaco

O cardápio leva comida mediterrânea e saudável. Entre os menus, está o vegano, onde fui sem me arrepender.

O restaurante ainda tem cardápio glúten free, bem-estar, tudo orgânico. Para quem ainda come peixes, ele só usa produtos de pesca sustentável.

Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Andrea Miramontes ??| Travel (@ladobviagem) em

Há um menu do dia, a 60 euros, para cada tema que você escolher. Todos têm com entrada, prato principal e sobremesa.

Fui certeira no menu vegano (nada de origem animal). Comecei com tartar de beterraba, fui para espaguete com abobrinha e fechei com banana caramelada acompanhada de sorvete de menta.

Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemBananas carameladas com sorvete de menta  finaliza o menu vegan do  L’Hirondelle

Indico de olhos fechados esse menu para não veganos também, a fim de acabar de vez com qualquer preconceito que possa ter com essa gastronomia.

Maya jah 

Um dos indianos mais sofisticados que você vai provar. Todos os pratos são servidos com arte, lindos.

A trilha sonora pop combina com o ambiente moderno e despojado do restaurante.

Não perca a carta de drinks, muito caprichada. Minhas bebidas abaixo tiveram base de gin, misturado com ervas, flores e chás. Superaromáticos e refrescantes.

Mixologia é um dos fortes do restaurante que aposta em drinks aromáticos
Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemAmbiente do Maya Jah, indiano charmoso em Mônaco

No cardápio,  procure pelos pratos que têm o símbolo da flor de lótus, o que significa vegetariano ou vegano. É o caso do Vegetarian Madras, com vegetais al dente ao molho de coco e curry. Peça pouco apimentado.

Para acompanhar vá de batatas de tamarindo e cogumelos ao curry. Deliciosos.

Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemBatatas empanadas e brócolis, tudo muito temperado e delicioso no Maya Jah

Tudo que descrevi é vegano, bem como a tortinha de chocolate amargo que finalizou a noite. Para reforçar que nem sempre a opção sem itens de origem animal  ajuda a emagrecer.

Stars & Bars

Fora do circuito de turismo, este restaurante e lanchonete  é uma descoberta no principado e tem uma vista maravilhosa para o porto e montanhas.

Mas não se enganem, o restaurante já foi descoberto por estrelas do esporte e de Hollywood e coleciona fãs famosos.

Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemÁrea de cima do restaurante Stars & Bars com vista linda para Mônaco

Ambiente despojado com jogos para a família também tem vários objetos  de colecionador em exposição, incluindo uma bola assinada por Pelé e um carro de Fórmula 1 pendurado em uma parede.

É especializado em fast food gourmet e com  um cardápio inteiro de opções vegans, como pizza, vegan burguer e nachos, tudo muito bem-preparado

Fui de pizza e nachos de queijo, que não era de leite. A entrada usou queijo feito de coco e semente de tara, uma leguminosa. Experimente, é igualzinho a uma muçarela.

Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemPizza vegan no menu vegano do Stars & Bars
Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemNachos com queijo vegan de coco do Stars & Bars em Mônaco

Na frente, o gerente geral Laurent Mayzoué mostra a pequena horta, na orla de cara para os barcos, entre os bancos da clientela, de onde vêm os temperinhos.

Um verdadeiro luxo servir comida orgânica e colher ingredientes lá mesmo. Concordam?

Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemLaurent Mayzoué mostra a pequena horta, de cara para os barcos

Buddah-Bar

Drinks exclusivos e trilha sonora de primeira nesta rede de restaurantes-lounge que já passou dos 20 anos e nasceu em Paris.

Nos drinks,  explique o tipo de bebida que gosta e peça par o barman te surpreender. Para mim, veio  gin com lichias e xarope de flor de Sureau, uma flor que lembra cheiro de jasmim. Sensacional.

Crédito: Andrea Miramontes/ Lado B ViagemDrink do Buddah Bar com gin, lichia e xarope de flor de Sureau, que cheira a jasmim

Se for jantar, reserve mesa. Do bar, suba ao segundo andar onde fica o restaurante elegante e moderninho, assim como os garçons.

Não são muitas as opções veggies no cardápio. Mas as poucas que têm são muito saborosas. Destaco o sushi com abacate, muito delicioso.

Crédito: Andrea Miramontes / Lado B ViagemBuddah Bar em Mônaco que pode ser uma parada para drinks ou para jantar
1 / 8
1
06:43
Após ser acusado de comunista, Dimenstein cobra provas de Hasselmann
A deputada federal Joice Hasselmann perdeu a calma nas redes sociais ao atacar o jornalista Gilberto Dimenstein, acusando-o de militante …
2
04:53
Netflix e KondZilla lançam ‘Sintonia’, da periferia para o mundo
KondZilla tem razão quando afirma: "A favela venceu". “Sintonia”, a nova série da Netflix, prova isso. A ideia original é dele …
3
04:21
Sinais que indicam problemas no estômago
Ter tosse seca pode ser um sinal que o seu estômago não vai muito bem. Hoje, o Dr. Raul Cutait, médico …
4
03:43
O estrago de Frota é maior que o Bolsonaro poderia acreditar
Após ser expulso do PSL, o deputado federal Alexandre Frota confirmou sua filiação ao PSDB, partido de João Doria, governador …
5
03:03
Câmara aprova projeto de lei sobre abuso de autoridade
A Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei que define quais situações configuram abuso de autoridade. Agora, o texto …
6
04:07
Um pedido de desculpas à Angela Merkel pelas ofensas de Bolsonaro
Depois de dizer a um repórter que ele deveria fazer cocô dia sim, dia não para preservar o meio ambiente, …
7
03:26
Mortes provocadas pelo fim dos radares deveriam ter nome de Bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro determinou nesta quinta-feira, 15, a suspensão dos radares de fiscalização de velocidade móveis em rodovias federais …
8
04:56
‘Risk’, na Netflix, vaza a imagem não autorizada de Julian Assange
Será que, em um ato de coragem, você arriscaria sua própria liberdade para trazer à tona realidades que manipulam a …