Imagem do Topo

O que fazer em Copacabana: 8 dicas para curtir o bairro ao máximo

Natureza, cultura, história e boemia convivem na região mais turística do Rio

Por: Karen Fideles | Comunicar erro

“Copacabana, Princesinha do Mar”… 🎵 Inspiração de canções  e poesias, um dos cartões postais mais famosos do Brasil e palco de um dos maiores Réveillons do mundo, o bairro do Rio de Janeiro abriga muita história, vida cultural e boemia.

Para você aproveitar ao máximo a região, a Catraca Livre listou rolés e cantinhos especiais: o Beco das Garrafas, teatros, cinemas, parque e bares, por exemplo. Tem passeio para todos os gostos e bolsos!

O que fazer em Copacabana
Crédito: Ricardo Zerrenner/RioturCatraca Livre te conta o que fazer no famoso bairro do Rio

Vem ver o que fazer em Copacabana:

  • 1. Praia de Copacabana

    Crédito: Alexandre Macieira/RioturLegenda: Praia de Copacabana convida para banhos de mar e sol, esportes e mais!

    Tomar sol comendo “bixcoito” e bebendo mate gelado, pegar onda, nadar, fazer stand up paddle, correr, jogar na areia, andar de bike, passear pelo calçadão… Você pode fazer tudo isso e muito mais na Praia de Copacabana, a queridinha dos turistas!

    Além disso, pela orla tem diversos quiosques com shows ao vivo, comes e bebes, e as famosas estátuas de Carlos Drummond, Dorival Caymmi e Clarice Lispector.

  • 2. Forte de Copacabana

    Crédito: Produção Gráfica - MHEx/FCLegenda: Forte de Copacabana abriga museu com exposições, fortificação e cafés

    Museu, cafés e uma vista privilegiada do Rio… O Forte de Copacabana é um charme só! Como espaço cultural, é conhecido como Museu Histórico do Exército e Forte de Copacabana. Por lá, vocês podem conferir exposições, atividades culturais e a famosa fortificação.

    Tudo isso com direito a comes e bebes na tradicional Confeitaria Colombo e no Café 18 do Forte. O cenário é incrível, com vista para as principais paisagens do Rio.

    Vem saber mais sobre o que rola por lá! E aproveita também para conhecer a Colônia dos Pescadores nessa ponta da praia e fazer stand up paddle.

    Onde? Praça Coronel Eugênio Franco, 1, Posto 6
    Quanto? R$ 6 e R$ 3 (meia)

  • 3. Leme

    Crédito: Gabriel Monteiro/RioturLegenda: No Leme dá para curtir a praia e quiosques, subir o Morro e mais!

    Lá no canto oposto da praia fica o queridinho Leme! Com suas ondas mais tranquilas, quiosques, estátua da Clarice Lispector e um mirante com uma vista incrível da Praia de Copacabana.

    Além de curtir sol e mar, vale subir o Morro do Leme, onde fica o Forte Duque de Caxias. A caminhada ecológica de 800 metros é feita numa estrada de paralelipípedo, em meio a Mata Atlântica. Do alto, a visão da Cidade Maravilhosa é ainda mais especial!

  • 4. Parque Estadual da Chacrinha

    Crédito: Alexandre Macieira/RioturLegenda: Parque da Chacrinha é uma área de lazer em meio ao caos urbano

    Mais verde, por favor! Ao longo da Ladeira do Leme, perto da Praça Cardeal Arcoverde, fica o Parque Estadual da Chacrinha. A Unidade de Conservação, cercada de Mata Atlântica, é uma área de lazer para moradores e turistas. Aquele lugarzinho bucólico perfeito para entrar em contato com a natureza, respirar ar puro, levar as crianças para brincar e descansar.

  • 5. Teatros

    Crédito: @teatroglauciogill/FacebookLegenda: Copacabana abriga teatros e espaços culturais, como o Glaucio Gill

    Além da beleza natural Copacabana também respira arte! O bairro carioca abriga teatros e outros espaços culturais importantes e cheios de história, como a Sala Municipal Baden Powell, o Teatro Glaucio Gill, o Teatro Princesa Isabel, o Sesc Copacabana e o Theatro Net Rio. Música, dança, artes cênicas e outras atividades culturais rolam o ano todo nesses locais!

    Falando nisso, já viu nossa lista de peças baratinhas para assistir no Rio? Clica aqui!

  • 6. Cinemas

    Crédito: Ingresso.comLegenda: Copacabana conta com dois antigos cinemas, entre eles o Roxy

    Partiu pegar um cineminha em Copa? Dois cinemas antigos e renomados ficam no bairro: o Roxy e o Cine Joia.

    Inaugurado em 1938, o Roxy é um cinema de rua que fica pertinho da praia, na esquina da Avenida Nossa Senhora de Copacabana com a Rua Bolívar. Hoje, ele conta com três salas e exibe os blockbusters do momento.

    Outra joia rara da cidade, o Cine Joia foi fundado na década de 1970 e fica numa galeria no coração de Copacabana. A sala apresenta uma programação alternativa, com filmes clássicos, raros, independentes… Geralmente, são obras nacionais e internacionais que não tem espaço no circuito comercial.

  • 7. Bares

    Crédito: @pavaoazuloficial/FacebookLegenda: Bar é o que não falta em Copacabana!

    Os cervejeiros de plantão também tem vez em Copacabana! Na Rua Bolívar, perto do Roxy, diversos bares e restaurantes dividem o espaço e atraem a galera. Outros points famosos são o Pavão Azul, nas esquinas da Hilário de Gouvêia com a Barata Ribeiro, e o Real Chopp, a uma quadra de lá.

    A cariocada e os turistas também se reúnem ali na Ronald de Carvalho, que hoje conta com vários bares, como Os Imortais. A rua fica ali colada na Praça do Lido e enche principalmente em dias de jogo.

    O pós-praia fica completo com cerveja, drinks, bolinhos, pastéis e muito mais petiscos deliciosos!

  • 8. Beco das Garrafas

    Crédito: @becodasgarrafasrio/FacebookLegenda: Berço da Bossa Nova, o Beco das Garrafas recebe shows em duas casas noturnas

    Copacabana também tem vida noturna, claro! E o Beco das Garrafas merece um tópico só dele. Berço da Bossa Nova, a travessa na Rua Duvivier foi ponto de encontro de grandes nomes da música brasileira nas décadas de 1950 e 1960, entre eles Elis Regina — foi lá a estreia da Pimentinha nos palcos! —, Jorge Ben e Wilson Simonal.

    Você curte por lá showzões nas casas noturnas Bottles Bar e Little Club. A programação privilegia artistas do novo cenário da música brasileira e está sempre recheada. Vem conferir as próximas atrações!

Mas claro que tem muito mais, né! Bora desbravar nossa Cidade Maravilhosa?!