Criança de 5 anos é estuprada como pagamento de dívida de drogas

Tanto a mãe da criança, quanto o homem que a abusou foram indiciados por estupro de vulnerável

Por: Redação | Comunicar erro
estupro de vulnerável
Crédito: Divulgação/Polícia Tanto o homem quanto a mãe foram indiciados por estupro de vulnerável

Uma criança de 5 anos foi estuprada após ser levada da casa de sua mãe como forma de pagamento por uma dívida de drogas não quitada. O caso aconteceu nesta terça-feira, 30, na cidade de Sena Madureira, no interior do Acre.

De acordo com informações do portal G1, o homem acusado de abusar sexualmente da criança foi até a casa da vítima cobrar uma dívida no valor de R$ 2 mil de sua matriarca, referente à dívida pelo consumo da substância.

Como a mulher não tinha dinheiro para pagá-lo, o suspeito levou a criança para “pressioná-la”, disse o delegado responsável pelo caso, Marcos Frank.

“Esse homem teria levado a criança para poder pressionar a mãe para pagar essa dívida de droga, mas em seguida voltou e deixou a menina em casa. Ela estava sangrando bastante, uma tia viu e chamou a polícia. Na delegacia, a menina contou o que o homem fez com ela”, esclareceu o delegado.

O homem foi preso, mas negou que tenha estuprado a criança. No entanto, segundo Frank, exames confirmaram a denuncia.

O acusado e a mãe foram indiciados por estupro de vulnerável – a mulher responderá por estupro na modalidade comissivo por omissão.

DENUNCIE – DISQUE 100

Saiba a quem recorrer em caso de suspeita de violência sexual infanto-juvenil:
Conselhos Tutelares – Os Conselhos Tutelares foram criados para zelar pelo cumprimento dos direitos das crianças e adolescentes. A eles cabe receber a notificação e analisar a procedência de cada caso, visitando as famílias. Se for confirmado o fato, o Conselho deve levar a situação ao conhecimento do Ministério Público.
Varas da Infância e da Juventude – Em município onde não há Conselhos Tutleares, as Varas da Infância e da Juventude podem receber as denúncias. 
Outros órgãos que também estão preparados para ajudar são as Delegacias de Proteção à Criança e ao Adolescente e as Delegacias da Mulher. (Fonte: Unicef)

Compartilhe:

1 / 8
1
05:53
Síndrome de Bolsonaro explica embate com o vice-presidente
A batalha contra o vice Hamilton Mourão virou uma bomba para Jair Bolsonaro. Acabou em um desastrado vídeo postado no …
2
20:44
São Paulo, capital da Cultura | Entrevista por Catraca Livre
Atuando como Secretário Municipal de Cultura em São Paulo desde janeiro desse ano, Alê Youssef ainda está no começo da …
3
07:26
STF e o limite da liberdade de expressão
O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, anunciou em março a abertura de um inquérito para investigar casos …
4
01:03
Ex-presidente do Peru tenta suicídio após receber ordem de prisão
O ex-presidente do Peru Alan García morreu nesta quarta-feira,17, após atirar contra si mesmo em uma tentativa de suicídio em …
5
04:45
Famosos fazem desabafo sobre depressão
Recentemente, o humorista Whindersson Nunes publicou uma série de posts em sua rede social desabafando sobre um sentimento profundo de …
6
01:32
Quem disse que não dá para surfar na cidade?
A Surf House Brasil é o lugar perfeito para você quer aprender a surfar ou ficou com saudade de pegar …
7
01:45
Catedral de Notre Dame: 8 séculos de história queimam em Paris
Um incêndio de grandes proporções atingiu a Catedral de Notre Dame, em Paris. O local é um dos pontos turísticos …
8
02:29
Vídeo analisa a maior irresponsabilidade na vida de Bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro mandou desativar os radares de rodovias federais. Será que é uma boa ideia? A Folha de São …