Últimas notícias:

Loading...

Restaurante em Gramado debocha de coronavírus com meme do caixão

Atitude do estabelecimento, que funcionava normalmente, causou revolta nas redes sociais

Por: Redação

Já são mais de 11 mil mortos no Brasil por covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, e um restaurante na cidade de Gramado, no Rio Grande do Sul (RS), achou que seria uma boa ideia fazer piada com o sofrimento das vítimas e seus familiares. Anda circulando nas redes sociais desde o último sábado, 11, um vídeo dos funcionários do restaurante Divino servindo espumantes aos clientes ao som da música que ficou conhecida pelo meme do caixão, durante a pandemia.

garçons restaurante gramado meme caixão
Crédito: Reprodução/TwitterGarçons simularam a performance do grupo Ghana´s Dancing Pallbearers para clientes de restaurante

Nas imagens, os garçons aparecem simulando o carregamento de caixões com garrafas de espumantes, aos risos, cantando e dançando a música do grupo Ghana´s Dancing Pallbearers, formado por dançarinos ganeses que promovem festas em funerais.

Além disso, o que chama a atenção é que o estabelecimento estava aberto, em plena quarentena, e tinha uma boa quantidade de clientes – que em sua maioria estavam sem máscaras de proteção.

Assista abaixo:

O vídeo gerou revolta entre os internautas, e assim que soube da repercussão negativa das imagens, o restaurante publicou no Instagram do estabelecimento uma nota oficial pedindo desculpas. Segundo texto, os garçons se aproveitaram de uma saída do gerente para promover a ação, que foi classificada por Valdemir Ecker, diretor da empresa, como “lamentável”.

Confira a seguir:

View this post on Instagram

Nota Oficial A direção do Divino Gastronomia & Bar vem a público lamentar e repudiar o episódio ocorrido no último sábado (9), quando um vídeo mostrou a cena de garçons levando garrafas de espumante, com a trilha de musical simulando o carregamento de um caixão. Não compactuamos com esta atitude totalmente descabida para o momento em que vivemos, em meio à pandemia de Covid-19. Lamentavelmente, este triste episódio só ocorreu por uma falha operacional, no exato momento em que o gerente saiu para comprar um produto que havia faltado. Se aproveitando do momento, um dos integrantes da mesa foi até o DJ e pediu a referida trilha musical, além de ter encomendado a coreografia aos garçons. Por este motivo, vimos pedir desculpas aos nossos clientes e a toda sociedade por esta falha, e dizer que estamos tomando todas as providências para que episódios desta natureza não venham a ocorrer novamente no Divino. Valdemir Ecker Diretor

A post shared by Divino Gastronomia&Bar Gramado (@divinogastronomiagramado) on

 

Compartilhe: