Fábio Porchat é atacado após falar mal de Lula e de Bolsonaro

“Pseudo-humorista”, disse um internauta revoltado

Por: Redação

Os internautas ficaram indignados com Fábio Porchat, após o humorista falar mal de Luiz Inácio Lula da Silva e de Jair Bolsonaro, em vídeo divulgado no Twitter, na última quinta-feira, 16.

O apresentador do ‘Que História é Essa, Porchat?’, do GNT, foi questionado sobre como lida com a política e fez um paralelo entre os dois parlamentares.

fábio porchat
Crédito: Reprodução/GNTFábio Porchat deu uma declaração sobre Lula e Bolsonaro que dividiu opiniões

O comediante começou falando do ex-presidente: “Eu acho que o Lula tem coisas positivas, mas acho que ele é safado, que ele roubou, que o PT instalou uma máquina, a gente tem petróleo, a gente tem mensalão e tudo o que aconteceu. A Dilma fez a economia se destruir”.

Depois, Porchat deixou claro que não era favorável ao tipo de governo dele: “Odeio o Bolsonaro, eu acho a pessoa mais despreparada do mundo. Acho ele nocivo ao país, para a instituição. A única coisa positiva do Bolsonaro ter ganho é porque ele tirou o PT de continuar”.

Após repercussão negativa do caso, Fábio usou seu Twitter para indagar: “Gente, eu estou viajando e não estou entendendo muito bem o que está acontecendo por aí. Eu não posso achar o Bolsonaro uma besta nociva e o Lula um safado ao mesmo tempo, é isso?”.

Não demorou muito para que os internautas, tanto de esquerda quanto de direita, começassem a se manifestar sobre as declarações do famoso.

“Vai apanhar dos dois lados agora. Esse não tem salvação”, escreveu um internauta. “Tem o direito de achar o que quiser, só não pode reclamar da censura porque foi esse tipo de discurso que permitiu a ascensão do neofascismo no Brasil”, escreveu outro. “Não dá para acreditar em nada do que esse pseudo-humorista diz, principalmente porque o PT está em silêncio sobre essas declarações. Veja bem, eu disse PT, não os militantes petistas. Abram os olhos, esse Fábio Porchat é mais um pau mandado da Esquerda Brasileira”, completou mais um.

Compartilhe: