Juliana Paes inicia campanha contra contratação de goleiro Bruno

Atriz criou a hashtag #meuidolonaoefeminicida e convidou outros famosos a se manifestarem

Por: Redação

Juliana Paes usou seu perfil no Instagram, nesta sexta-feira, 10, para se posicionar sobre a possível contratação do goleiro Bruno por clubes de futebol, após sua saída da cadeia pela morte de Eliza Samudio, mesmo depois de ser condenado a 20 anos de prisão.

juliana paes
Crédito: Reprodução/InstagramJuliana Paes iniciou campanha contra contratação de feminicida

A atriz da Globo disse que se inspirou no vídeo da jornalista Jessica Senra, apresentadora da TV Bahia, que defendeu ao vivo a imoralidade de colocar um condenado por feminicídio em uma posição de ídolo. Ju Paes criou a hasthtag #meuidolonaoefeminicida e convidou outros famosos a se manifestarem.

“Jessica Senra me surpreendeu e me comoveu com a sua coragem, ousadia e inteligência ao defender seu posicionamento contra um clube de futebol que desejava contratar o goleiro Bruno, condenado por um crime bárbaro de assassinato à mãe de seu filho. Eu como mulher, e defensora da causa da violência contra a mulher, queria dizer que estou muito orgulhosa de você, Jessica . E queria convidar todos meus seguidores, pessoas e marcas, a verem o vídeo completo do seu discurso e compartilharem uma foto nos seus perfis com a hashtag #meuidolonaoefeminicida para que mais pessoas vejam essa história”, convocou.

View this post on Instagram

#meuídolonãoéfeminicida Nessa segunda-feira @jessicasenra me surpreendeu e me comoveu com a sua coragem, ousadia e inteligência ao defender seu posicionamento contra um clube de futebol que desejava contratar o goleiro Bruno, condenado por um crime bárbaro de assassinato à mãe de seu filho. Eu como mulher, e defensora da causa da violência contra a mulher, queria dizer que estou muito orgulhosa de você @jessicasenra . E queria convidar todos meus seguidores, pessoas e marcas, a verem o vídeo completo do seu discurso (link nos meus stories) e compartilharem uma foto nos seus perfis com a hastag #meuídolonãoéfeminicida para que mais pessoas vejam dessa história. Já viram isso @dedesecco , @mariajoana , @sabrinasato , @juliannetrevisol , @agathaamoreiraa ?

A post shared by Juliana Paes Actress Brazil (@julianapaes) on

ENTENDA O CASO

Na última segunda-feira, 6, Jessica questionou a contratação de Bruno pelo clube Fluminense de Feira e disparou:

“A pessoa que cometeu um erro e já pagou por ele, em termos judiciais, precisa poder refazer sua vida. E, legalmente, não há nenhum impedimento para que ela exerça qualquer profissão que esteja habilitada. Mas, no caso do feminicida Bruno, e a profissão de atleta, isso é moral? Desejamos e precisamos que pessoas que cometem crimes tenham a possibilidade de refazer suas vidas mas, diante de um crime tão bárbaro, tão cruel, poderíamos tolerar que o feminicida Bruno voltasse à posição de ídolo? Que mensagem mandaríamos para a sociedade?”.

Bruno foi condenado a 20 anos de prisão pelo assassinato de Eliza Samudio, de 25 anos, mãe de seu filho. O crime aconteceu em 2010 e teve repercussão nacional.


Imagem Carnaval Sem Assedio

Compartilhe:

1
A eterna campanha para desqualificar ‘Democracia em Vertigem’
A menos de uma semana do Oscar, o documentário “Democracia em Vertigem” volta a ser alvo de ataques. Desta vez, …
2
Democracia em Vertigem é indicado ao Oscar; confira outros finalistas
Finalmente foi divulgada a lista dos finalistas ao Oscar 2020 e uma das grandes surpresas para nós brasileiros foi a …
3
Davi (ex-Banda Uó) indica seus lugares favoritos em SP
Qual a relação entre uma batalha de vogue e o bairro oriental da Liberdade? Na cidade de São Paulo vivida …
4
Cenas de machismo que não queremos ver novamente no próximo BBB
Entramos na contagem regressiva para a estreia da 20ª edição do Big Brother Brasil (BBB), prevista para ir ao ar …
5
Adoniran Barbosa ganha documentário sobre sua vida e obra
Finalmente Adoniran Barbosa ganhará uma homenagem à altura de seu talento. O documentário "Adoniran - Meu Nome É João Rubinato" …
6
Netflix: ‘O Monstro ao Lado’ mostra os caminhos tortuosos da justiça
O documentário "O Monstro ao Lado" retrata o dramático processo de julgamento de John Demjanjuk, um pacato cidadão ucraniano que …
7
‘O Irlandês’, de Scorsese, na sua sala
"O Irlandês", filme do diretor Martin Scorsese é lançado na plataforma de streaming Netflix.Com um elenco de tirar o fôlego …
8
‘Inacreditável’: a série da Netflix que veio para surpreender
A série original da Netflix "Inacreditável" é baseada em um caso real e promete te fazer maratonar os 8 episódios …