Mãe de João Pedro chora na TV: ‘Não pude dar um abraço’

Pais do garoto morto por policiais no RJ participaram do Encontro com Fátima Bernardes

Por: Redação

Rafaela Matos e Neilton Pinto, os pais do menino João Pedro, se emocionaram em entrevista ao Encontro com Fátima Bernardes, da Globo, nesta quarta-feira, 20, ao falarem do assassinato do garoto pela polícia do Rio de Janeiro (RJ), na última segunda-feira, 18.

pais joão pedro
Crédito: Reprodução/GloboRafaela Matos e Neilton Pinto se revoltaram com o assassinato do filho, João Pedro, no Encontro, da Globo

Chorando muito, a moça lamentou não ter podido se despedir do garoto, de 14 anos de idade. “Eu não pude dar um abraço nele. Eu tinha tanta esperança de encontrar ele com vida”, disse ela, que só soube que o menino estava morto no dia seguinte, pela manhã.

Rafaela também disse que não acredita que a polícia tenha tentado salvar seu filho. “Se eles [os policiais] socorreram o meu filho, porque não levaram para o hospital mais próximo?”, questionou a mãe.

Já o pai falou sobre os sonhos que o jovem tinha: “Ele era ótimo na escola, excelente aluno. Falava que queria ser advogado, e tinha capacidade para isso”.

João Pedro levou um tiro de fuzil na barriga, durante uma operação policial no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo. A polícia levou seu corpo e não contou a localização dele para a família. Ele foi encontrado 17 horas depois no Instituto Médico Legal (IML). Os pais também negam a versão da polícia, de que houve troca de tiros.