Últimas notícias:

Loading...

Novo sintoma tem sido cada vez mais relacionado à variante Ômicron

Cerca de 20% dos pacientes com covid-19 apresentam esse sintoma

Por: Redação

A covid-19 pode causar uma ampla gama de sintomas, com febre, tosse e cansaço considerados alguns dos mais frequentes. Mas outros, como problemas gastrointestinais, têm sido cada vez mais relatados e associados à Ômicron, segundo os Institutos Nacionais de Saúde da Biblioteca Nacional de Medicina dos EUA.

De acordo com Universidade John Hopkins, cerca de 20% dos pacientes com covid-19 apresentam diarreia logo após contrair o vírus. O sintoma não vem isolado, geralmente vem acompanhado por outros mais comuns.

ômicron
Crédito: NiseriN/istockPacientes têm relatado diarreia como novo sintoma da Ômicron

Esse sintoma, no entanto, não é preocupante. Segundo a universidade, os pacientes devem procurar ajuda médica só se a diarreia persistir durante dois dias; sentir muita sede, boca ou pele secas; apresentar pouca ou nenhuma urina; sangue nas fezes; dor abdominal ou retal severa; e febre superior a 39º.

Sintomas mais comuns da Ômicron

O aplicativo ZOE Covid, que desde o início da pandemia faz o monitoramento das manifestações clínicas da covid-19, aponta que dor de cabeça, coriza, espirros e de dor de garganta aparecem no topo da lista dos sintomas apresentados pelo infectados pela variante Ômicron.

Com essa nova cepa, a perda do olfato e do paladar se tornou muito menos comum. No início de 2021, esses sintomas estavam entre os 10 principais, mas agora aparecem mais no fim da lista, com apenas uma em cinco pessoas experimentando esse efeito.

perda de olfato e paladar
Crédito: Dima Berlin/istock Perda de olfato e paladar tem sido menos relatada como sintoma da Ômicron

Tim Spector, professor de Epidemiologia Genética do King’s College London e cientista por trás do aplicativo de estudo ZOE Covid, alertou que as pessoas precisam ter conhecimento sobre os novos sintomas que estão surgindo para que saibam quando fazer o teste.

Veja no link abaixo os sintomas mais comuns da Ômicron:

Compartilhe: