Morre homem mais jovem diagnosticado com coronavírus no Brasil

Por: Redação

Homem de 33 anos foi o mais jovem a morrer decorrente do novo coronavírus no Brasil. Ele veio a óbito na cidade de São Paulo, de acordo com a Secretaria de Estado de Saúde ele fazia parte do grupo de risco por apresentar comorbidade, ou seja, doença prévia.

Até o momento, a capital paulista já computa 30 mortes, sendo 28 de idosos. A 29° vítima foi um homem de 49 anos que passava por tratamento de tuberculose.

Somente no dia ontem, 23, a cidade de São Paulo registrou oito mortes. Foram cinco homens – 68, 75, 76, 77, 78 anos – e duas mulheres – 80 e 88 anos. Já no estado forma conformados 745 casos, a maior parte concentrado na capital.

Números no Brasil

Subiu para 34 o número de mortes no Brasil provocadas pelo novo coronavírus, de acordo com a última atualização do Ministério da Saúde, divulgada nesta segunda-feira, 23.

Os casos de pessoas diagnosticadas com a covid-19 no país já são 1.891. No balanço anterior, divulgado no domingo, 22, eram 1.546 confirmados.

O número de casos suspeitos não é mais divulgado pela pasta, que agora informa apenas os casos confirmados e os óbitos. “Nós estamos numa situação de transmissão comunitária, e, nessa situação, qualquer cidadão que apresentar síndrome gripal pode ser considerado um caso suspeito”, explicou o secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo, durante coletiva de imprensa em Brasília.


Compartilhe: