Últimas notícias:

Loading...

Passeios virtuais mostram as belezas dos destinos brasileiros

Tours online servem de inspiração para quando for possível viajar novamente

Por: Redação

Como a pandemia do novo coronavírus ainda afeta o turismo no Brasil, as passeios virtuais conquistaram grande espaço nas plataformas digitais. Além de matar a saudade dos destinos nacionais, os tours online também servem de inspiração para quando for possível viajar novamente.

Para facilitar o acesso a eles, o site GoPasseios, startup de São José dos Campos (SP), decidiu reunir os materiais de várias plataformas em um só lugar. As informações são do Ministério do Turismo,

Crédito: Luoman/iStockOuro Preto (MG) é uma das cidades em que é possível fazer passeios virtuais

Dentre as opções disponíveis estão city tours por cidades históricas, visitas a museus, centros culturais, bibliotecas, belezas naturais e até passeios voltados para crianças.

Projeto Tamar, Inhotim, Pinacoteca de São Paulo, Câmara dos Deputados, Museu da Língua Portuguesa são alguns dos destinos disponibilizados por Google Arts & Culture, AirPano, EraVirtual, Ceara360, Rio360 online, entre outros.


#NessaQuarentenaEuVou – Dicas durante o isolamento:


“Percebemos que, embora existam vários passeios virtuais de ótima qualidade por aí, era superdifícil achar um ou outro espalhados em fontes diversas”, disse Alexandre Magno, co-fundador da startup GoPasseios. “”Foi aí que surgiu a grande ideia de agregar todos do Brasil, que tenhamos notícia. Hoje já são mais de 110 disponíveis”, completou.

Crédito: Phaelnogueira/iStockTambém é possível conhecer as belezas do Nordeste, como a cearense Fortaleza

Passeios virtuais por patrimônios históricos

Seguindo a mesma linha, o site Eravirtual, que divulga e promove o patrimônio cultural brasileiro desde 2008, disponibilizou um acervo com visitas virtuais imersivas por pontos turísticos nacionais, incluindo museus, patrimônios culturais, igrejas, teatros e exposições.

Ouro Preto (MG), Santuário de Bom Jesus (MG) e Águas do Rio Grande são alguns dos destinos nacionais disponibilizados.

Crédito: Gim42/iStockSantuário do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, em Congonhas *MG)

As visitas virtuais são orientadas e acompanhadas por áudios e textos educativos com versões em cinco idiomas, incluindo o de Libras para deficientes auditivos.

O projeto, que tem o apoio do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), da Fundação Vale, Unesco e Fundação de Cultura, Lazer e Turismo de Congonhas-MG, também oferece um aplicativo para smartphones e tablets que auxilia os turistas no passeio presencial.

Compartilhe: