Banhistas terão que agendar horário e lugar para ir à praia no Rio

A data de implementação do projeto ainda não foi divulgada pela prefeitura

Por: Redação
Ouça este conteúdo

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (Republicanos) anunciou irá testar um sistema de marcação de horário e lugar para quem pretende frequentar as praias da cidade. O agendamento será feito por meio de um aplicativo.

O projeto piloto será feito na praia de Copacabana, apenas de segunda a sexta-feira, quando o fluxo de pessoas é menor. O agendamento será feito por meio de um aplicativo de celular.

praia
Crédito: © Fernando Frazão/Agência BrasilEmbora proibida, tem sido comum a presença de muitos banhistas nas praias do Rio de Janeiro, principalmente aos finais de semana

Segundo a Agência Brasil, a ideia da prefeitura carioca é fazer marcações de espaços na praia com fitas, cuja ocupação poderá ser feita de duas formas. Setenta por cento deles serão destinados a quem chegar primeiro e os outros 30%, para quem reservar por um aplicativo.

Entre esses espaços reservados haverá corredores para o acesso das pessoas e o trânsito de vendedores ambulantes.

“Esta semana nós vamos fazer a organização das praias para que as pessoas mantenham o afastamento na areia. A ideia é que assim a gente consiga organizar melhor o que hoje não está bom”, disse Crivella.


#NessaQuarentenaEuVou – Dicas durante o isolamento:


A prefeitura acredita que as fitas e sua colocação (que será feita diariamente) serão custeadas por empresas. O uso dos espaços pela população será gratuito. A data de implementação do projeto ainda não foi divulgada.

Atualmente, a permanência de pessoas na praia está proibida. O trânsito pela areia está permitido a ambulantes e a banhistas que queiram acessar o mar. Também está permitida a prática de alguns esportes.

Compartilhe: