Namorada de Rafael Miguel desabafa após equívoco da PM na prisão do pai

Isabela Tibcherani explodiu com o turbilhão de emoções e agradeceu todo apoio que recebeu

Por: Redação
Ouça este conteúdo

Isabela Tibcherani, a jovem que namorava o ator Rafael Miguel, fez um post em suas redes sociais falando sobre as emoções que viveu, nesta quarta-feira, 28, e não escondeu suas emoções ao saber que seu pai, Paulo Cupertino, na verdade não havia sido preso.

Caso Rafael Miguel: tudo sobre o assassinato do ator de Chiquititas

namorada rafael miguel, Isabela e o ator
Crédito: Reprodução/InstagramNamorada de Rafael Miguel desabafa após equívoco da PM na prisão do pai

Isabela pediu desculpas pela sua explosão e revelou que irá se afastar das redes sociais por um tempo.

“Esse é o resultado das notícias espalhadas, de milhares de ligações no meu celular, em questão de minutos. Peço desculpas pela explosão, mas já é difícil demais ter que lidar com tudo e ainda receber esse turbilhão de informações. Sinto muito, mas estou muito mal, exausta emocionalmente. Vou tirar um tempo e, quem sabe, volte aqui. Não sei. Passei muito mal com tudo isso. Só quero paz. Obrigada por todas as mensagens de apoio”, declarou.

Antes de descobrir que a prisão do seu pai pelo assassinato de Rafael Miguel, na verdade, não aconteceu nesta quarta-feira, Isabela concedeu entrevista ao programa A Tarde é Sua, da RedeTV!, e disse que chorou muito.

Namorada do ator de Chiquititas escreve carta aberta

“Não sei se eu choro, grito. É uma coisa muito forte. Esperava que fosse acontecer em algum momento (choro). Neste exato momento, estou na frente do túmulo dele e só quero agradecer  as investigações por não terem parado, por ninguém ter perdido a fé. E torcer para que ele fique na cadeia eternamente. Agora é dar continuidade a vida com um pouco mais de paz no coração, sem medo de viver ou de andar na rua e algo mais acontecer”, relatou.

Na última segunda-feira, a Polícia Civil do Paraná descobriu que o comerciante fez uma identidade com uma certidão de nascimento falsa em Jataizinho (PR).

Ele estava usando nome falso de ‘Manoel Machado da Silva’ como um disfarce para se esconder da polícia.

Um servidor que atendeu o comerciante foi ouvido pela polícia. Mas em seu depoimento o homem disse não se lembrar de quando fez a carteira e que não sabia do caso.

Compartilhe: