Últimas notícias:

Loading...

Hub cósmico: Casa Meio do Céu estimula conexão profunda entre corpo, mente e alma

O Achado Elo do espaço é a possibilidade de tomar um vinho, curtir uma música suave, petiscar, papear e ainda fazer uma terapia holística

Por: Publi

Você sabia que em SP, mais especificamente no Bixiga, existe um lugarzinho todo especial, perfeito para equilibrar mente e corpo? É a Casa Meio do Céu, uma mistura de gastrobar e centro de terapias holísticas.

Idealizada pela astróloga Meire Guimarães, a casa abriu as portas em agosto e foi pensada para promover conexões entre as pessoas – ou de você com seu eu interior. Até o nome do local tem um significado profundo!

“Meio do céu é o ponto mais alto do mapa astral, uma espécie de montanha que precisamos escalar para atingir nosso potencial máximo. É um lugar, uma função, uma vocação para se desempenhar perante o coletivo”, explica Meire.

É impossível não ser impactado(a) pelo estabelecimento. A começar porque ele funciona em um casarão dos anos 1940 que mais parece um castelinho. Além disso, o ambiente promove uma sensação de acolhimento, como se você estivesse na casa da sua avó.

Sem contar as várias áreas externas – incluindo uma laje que recebe shows -, perfeitas para contemplar o pôr do sol. Por isso, o Achado Elo da Casa Meio do Céu não poderia ser outro. É justamente a experiência de tomar um vinho, ouvir uma música suave, petiscar, papear e ainda participar de uma prática holística, como yoga, tarot, reiki, terapia tântrica, numerologia, entre tantas outras.

A casinha ainda abriga o projeto social Batuque de Panela, a cozinha social de vários blocos de Carnaval, encarregado de preparar e distribuir marmitas para a população em situação de vulnerabilidade social.

O lado musical do espaço também chama a atenção. Com a proposta de valorizar a cultura brasileira, a programação fixa envolve uma roda de choro aos sábados, com o grupo Stanley Carvalho e sua gente; o jazz funk às quintas, com composições autorais brasileiríssimas e novas roupagens para clássicos; e a discotecagem de Vivian Marques às sextas, que alterna o repertório entre brasilidades e black music.

Com tantas facetas, o casarão ficou conhecido como um hub cósmico. “Como todas as atividades aqui são voltadas para exercemos da melhor maneira o coletivo – e foi tudo inspirado na astrologia –, começamos a nos definir dessa forma”, adiciona a organizadora.


A gastronomia como um acalanto na alma

Para quem quiser saborear um vinho, as opções do menu pertencem ao projeto Tão Longe, Tão Perto, uma parceria da importadora Família Kogan com a sommelière Gabriela Monteleone. Trata-se de uma curadoria de rótulos nacionais, do sul do país, comercializada por litro.

Na Casa Meio do Céu, você pode escolher compartilhar o growler (garrafão) ou pedir apenas uma taça, que pode ser de 150ml ou de 300ml. Se preferir, explore drinks clássicos como Negroni, caipirinha, caipiroska e sangria.

Casa Meio do Céu, sangria, Achados Elo
Crédito: Luiz Costa - Achados EloSangria é um dos drinks clássicos da Casa Meio do Céu

Caso não queira nada alcoólico, a charmosa casinha tem uma carta exclusiva de kombuchás. São muitos sabores e a ideia de Meire é ampliá-los ainda mais. “Por terem muitas propriedades, esse tipo de bebida é considerado um alimento e um remédio probiótico”, completa.

Há também o chá da casa, feito com base na medicina ayurvédica, cujo objetivo é promover longevidade, vitalidade, saúde física, mental e emocional. O elixir une gengibre, canela, cardamomo, coentro em grãos e alecrim.

Para comer, a proposta de Meire é propiciar um conforto na alma. E a nutricionista Lu Diniz captou esse espírito. Um dos grandes sucessos entre os frequentadores é o ravióli de cogumelos na manteiga e sálvia. E, nessa mesma proposta vegetariana, é possível se deliciar com o dahl de grão de bico, acompanhado por arroz branco, uma conhecida iguaria indiana.

Está com pouca fome? Os sandubas têm gosto de infância. A casa serve aquele lanche de pernil que sempre tem nas festinhas das crianças. Para quem é vegetariano, tem uma versão da tradicional carne louca feita com jaca.

Sanduíche de pernil, Casa Meio do Céu, Achados Elo
Crédito: Luiz Costa - Achados EloSanduíche de pernil faz sucesso na Casa Meio do Céu

Segundo a idealizadora do espaço, os pratos mais pedidos são as iguarias para compartilhar, o que combina muito com a proposta do local de valorizar a união entre as pessoas. Foi o homus do Nour, servido com pão sírio, que conquistou o coração dos clientes.

A receita foi herdada do Nour, um chef palestino que trabalhou na Meio do Céu e depois foi para um restaurante árabe. É imperdível!

Quer ter essa autêntica experiência Achados Elo? A Casa Meio do Céu fica na Rua dos Franceses, 258, no Bixiga. O lugar funciona de terça e quarta, das 12h às 16h, de quinta a sábado, das 12h às 23h, e aos domingos, das 11h30 às 18h30.


Atenção! Por conta da pandemia do novo coronavírus, a casa pode ter seu funcionamento alterado para corresponder às atuais determinações do Plano São Paulo, estabelecido pelo Governo do Estado de São Paulo. Para checar se o estabelecimento está aberto e seu horário de funcionamento mais recente, entre em contato pelo telefone/WhatsApp (11) 99978-7002.


O estabelecimento está tomando todas as medidas necessárias para garantir a segurança dos clientes, de acordo com os critérios estabelecidos pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Faça também a sua parte! Ao visitar o espaço, lembre-se de usar máscara de proteção e só tirá-la na hora de consumir os alimentos e bebidas. Além disso, higienize bem as mãos com álcool em gel ou água e sabão.

Curtiu essa dica? Então, confira aqui outros Achados Elo imperdíveis na Grande SP!

Compartilhe: