Brasil tem 3 mortes de crianças por síndrome associada à covid-19

Doença tem sido registrada em crianças e adolescentes em vários países do mundo

Por: Redação
Ouça este conteúdo

A SBP (Sociedade Brasileira de Pediatria) emitiu um alerta sobre a notificação de casos de síndrome inflamatória multissistêmica pediátrica (SIM-P) que atinge crianças e adolescentes. A doença pode ter relação com à covid-19 e fez três vítimas no país.

Segundo o Ministério da Saúde, já foram registrados 71 casos da doença até julho em quatro estados: Ceará (29), Pará (18), Piauí (2) e Rio de Janeiro (22), onde ocorreram os três óbitos. As informações são do G1.

covid-19 síndrome inflamatória
Inflamação multissistêmica pode ter ligação com o coronavírus

A síndrome inflamatória multissistêmica pediátrica ocorre dias após a infecção por covid-19 e é caracterizada por febre alta e persistente em crianças e adolescentes até 19 anos, lesões de pele nas extremidades, lesões na boca.

O que intriga é que a doença foi observada tanto crianças que testaram positivo para o novo coronavírus, bem como por aquelas que não tiveram a doença.


#NessaQuarentenaEuVou – Dicas durante o isolamento:


Casos pelo mundo

Países como Reino Unido, Espanha, França, Itália, Canadá e Estados Unidos também identificaram casos em crianças e adolescentes. No mundo, há relatos de mais de 300 casos.

Na Flórida, de acordo com o Hospital Infantil de Nicklaus, houve dois óbitos e seis casos de crianças com síndrome inflamatória multissistêmica. Em Nova York, em maio, o departamento de saúde da cidade também informava pelo menos 145 casos de crianças doentes com a síndrome e três mortes pela doença na cidade.

Sintomas

Além da febre elevada e persistente, o paciente pode apresentar pelo menos dois dos seguintes sintomas ou sinais:

  • Conjuntivite
  • Sinais de inflamação na boca, mãos ou pés
  • Hipotensão arterial ou choque
  • Manifestações de disfunção miocárdica, pericardite, valvulite ou anormalidades coronarianas
  • Manifestações gastrointestinais agudas

Alguns pacientes também têm sintomas da doença atípica de Kawasaki – um tipo de vasculite, que causa inflamação e inchaço dos vasos sanguíneos.

Segundo o alerta, esses são os sinais comumente observados quando o corpo fica sobrecarregado enquanto tenta combater uma infecção.

Compartilhe: