Pfizer anuncia que sua vacina deve ter autorização já em outubro

As doses iniciais do imunizante devem ir para os Estados Unidos, que tem um acordo firmado

Por: Redação
Ouça este conteúdo

A vacina desenvolvida em conjunto pela Pfizer e BioNTech está a caminho de ser submetida à autorização regulatória já em outubro. O anúncio foi feito pelas empresas em um comunicado à imprensa.

Se autorizada, 100 milhões de doses poderão ser fornecidas até o fim de 2020. Doses essas que deverão ir para os Estados Unidos por conta de um acordo firmado no mês passado.

Segundo as empresas, os testes mostraram até agora que o imunizante foi bem tolerado pelos voluntários. Apenas 20% deles apresentaram febre leve a moderada, mas sem efeitos colaterais graves.

vacina pfizer autorização em outubro
Crédito: Janiecbros/istockVacina da Pfizer e BioNTech deve ser submetida à autorização em outubro

No momento, a vacina está na fase 3 de testes em diferentes países, incluindo o Brasil. Porém, os resultados das primeiros estudos ainda estão em análise.


#NessaQuarentenaEuVou – Dicas durante o isolamento:


Tecnologia da vacina

O imunizante é feito com a técnica de RNA mensageiro, a mesma que está sendo testada pela empresa Moderna, nos Estados Unidos. Vacinas deste tipo oferecem instruções ao organismo para orientar a produção de antígenos capazes de  combater o vírus.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 168 vacinas potenciais estão sendo desenvolvidas por países em todo o mundo, apenas 29 delas chegaram a um ponto onde podem ser testadas em humanos. E seis estão na última etapa antes da aprovação.

Compartilhe: