CORONAVÍRUS
Tudo o que você precisa saberÚltimas notícias e tudo que você precisa saber

Ministério da Saúde para de informar alguns dados do coronavírus nas redes sociais

Sob gestão de dois médicos, o Ministério da Saúde agia de forma transparente; agora, sob o comando de um militar, alguns dados sumiram das redes

Por: Redação

Após a queda de dois ministros da Saúde que optaram em priorizar a ciência em detrimento do achismo dos bolsonaristas, o Ministério da Saúde, agora regido interinamente pelo general Eduardo Pazuello, parou de informar a quantidade de mortos pelo novo coronavírus nas redes sociais.

Nas gestões dos médicos Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich, o Ministério da Saúde costumava informar, por meio de suas contas no Twitter e no Facebook, os números de óbitos causados pela covid-19. Agora, para que o cidadão tenha acesso a esses dados em sua plenitude, ele precisa acessar o site do Ministério da Saúde. A informação não chega de forma direta na timeline do internauta.

Dados completos de números de infectados, de mortos, de recuperados e de brasileiros em recuperação foram trocados por um painel de gosto duvidoso chamado “Placar da Vida”. Basicamente, a nova forma que o Ministério da Saúde encontrou de falar sobre os números do coronavírus ignora a dor de milhares de brasileiros que perderam (e continuam perdendo) familiares e amigos queridos.

Além disso, outra mudança que aconteceu na divulgação dos dados foi o horário em que as informações são compartilhadas nas redes sociais. Antes, o Ministério da Saúde publicava nas redes sociais entre 17h e 19h, para dar tempo de que todo brasileiro tivesse acesso às informações antes de dormir. Agora, Pazuello tem preferido divulgar mais tarde, já próximo das 22h.

Compare:

ANTES (quando um médico comandava o Ministério da Saúde)

ministério da saúde coronavírus
Crédito: Reprodução/TwitterDados do Ministério da Saúde sob o comando de um médico

AGORA (Ministério da Saúde sob comando de militar)

ministerio da saúde
Crédito: Reprodução/TwitterDados do Ministério da Saúde sob o comando de um militar

#NessaQuarentenaEuVou – Dicas durante o isolamento:


1
Morre Gilberto Dimenstein, jornalista e fundador da Catraca Livre
É com profunda tristeza que a Catraca Livre anuncia o falecimento de seu fundador, Gilberto Dimenstein, aos 63 anos de …
2
Entenda a operação da Polícia Federal de combate às fake news
O combate às fake news ganhou um novo e importante capítulo nesta semana com a Polícia Federal realizando uma série …
3
Witzel é alvo da PF; Zambelli antecipa operação em entrevista
A Polícia Federal iniciou nesta terça-feira, 26, a Operação Placebo, que apura desvios na Saúde do Rio de Janeiro nas …
4
‘Na Fila do SUS’ retrata o sucateamento da saúde pública em plena pandemia
 'Na Fila do SUS' é uma websérie em formato original com seis episódios que estreia disponível exclusivamente, na plataforma online …
5
Governo libera uso da cloroquina para pacientes em estado leve da covid-19; classe médica discorda
Após pressão do presidente Jair Bolsonaro, o Ministério da Saúde cedeu e ampliou o  protocolo para uso da cloroquina e …
6
Felipe Neto no Roda Vida: confira os principais momentos do programa
Convidado do Roda Viva, da TV Cultura, na noite desta segunda-feira, 18, o youtuber Felipe Neto afirmou que faz um …
7
Flávio Bolsonaro rebate acusação feita por Paulo Marinho sobre o caso Queiroz
O senador Flávio Bolsonaro rebateu a acusação feita pelo empresário Paulo Marinho em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo …
8
Entenda os motivos do pedido de demissão do ministro da Saúde, Nelson Teich
Antes mesmo de completar um mês à frente do Ministério da Saúde, o ministro Nelson Teich pediu demissão do cargo …