Por que a reflexão de Gaby Amarantos sobre foto de Zé Neto é tão importante?

A cantora criticou o fato de que o corpo do homem sempre é mais ovacionado em comparação ao de mulheres

Por: Redação
Ouça este conteúdo

A cantora paraense, Gaby Amarantos, publicou um manifesto em seu Twitter na última terça-feira, 22, falando sobre a foto de sunga de Zé Neto que viralizou pelas redes sociais.

Gaby Amarantos aponta machismo na repercussão de foto de Zé Neto
Crédito: Reprodução/InstagramGaby Amarantos aponta machismo na repercussão de foto de Zé Neto

Na postagem, ela levanta uma reflexão sobre machismo, apontando que quando uma mulher faz uma publicação de biquíni não é ovacionada como aconteceu com o cantor sertanejo, que ganhou mais de 900 mil seguidores  por conta da fotografia mostrando sua genitália volumosa.

Utilizando ela própria como exemplo, ela diz que acontece exatamente o contrário. “Quando eu posto foto da minha anatomia feminina de bikini, perco seguidores mas quando o moço sertanejo posta foto de sunga com o pau marcando ele ganha 200k. Nada contra a pessoa q parece ser ok. Apenas reflitam, a gente só quer poder ser livre e ter os mesmos direitos!”, escreveu.

Machismo velado

Assim como aponta Gaby, o corpo das mulheres nem sempre é bem visto e ovacionado como está sendo o de Zé Neto. Vamos lembrar de Luísa Sonza, que teve sua privacidade invadida após terem vazado uma uma foto dela nua na internet.

A cantora, na época, foi surpreendida ao ter a imagem divulgada em seu próprio Instagram Stories. A repercussão não foi boa, muitas pessoas criticaram a cantora, as contestações machistas chegaram dizer que seria armação para a mídia.

Um caso internacional foi de Janet Jackson, que enquanto se apresentava ao lado de Justin Timberlake no Super Bowl, teve seus seios expostos em rede mundial e a repercussão foi totalmente negativa, sendo infelizmente um marco na carreira da cantora que carrega resquícios disso até hoje.

Aqui no Brasil, artistas femininas sabem muito bem o que é isso. Anitta, Lexa, Iza, Sonza, MC Rebecca, apesar dos milhares de fãs, dos comentários incríveis que recebem nas redes, são julgadas por “exporem” seus corpos diariamente.

Saiba o que é falocentrismo

Os estudos de gênero dizem que o falocentrismo é a convicção de uma ideia que coloca o homem como superior. Entende-se que se trata de uma estrutura ou estilo de escrita, linguagem ou pensamento desconstruída como expressão das atitudes masculinas e enfatização da superioridade masculina.

A lógica do patriarcado cabe dentro dessa discussão porque o pensamento do falocentrismo defende essa visão. O masculino e o feminino encontram-se numa posição estrutural: os homens que possuem o falo, ou seja, a visão da virilidade.  Ao decorrer da história, o imaginário promoveu uma atribuição social do poder ao homem, que este recebe até os dias atuais como algo que é próprio de natureza. Se tem um pênis, o garante o “brilho fálico”.

Compartilhe: